Recentemente, o jornal britânico Financial Times alertou que, considerando a bagunça na nossa economia, o Brasil é uma espécie de “paciente em estado terminal”. Levando em conta os desdobramentos da crise econômica e o rebaixamento na avaliação do país, essa observação faz bastante sentido.

Trazendo o foco para as finanças pessoais, especialmente para os elevadíssimos impactos financeiros dos carros, é altamente provável que esse cenário resultará em mais aumentos futuros. Comprar e manter um carro deverá ficar mais caro nos próximos meses.

Com o objetivo de colaborar para que você lide melhor e supere os imensos desafios no seu orçamento, eu elaborei uma planilha para controle dos custos do seu carro (clique para baixá-la gratuitamente).

Essa planilha é bem completa e permite visualizar melhor todos os impactos financeiros do seu carro ao longo do tempo. Por isso, ela abrange desde o momento da compra, passando pelo período de propriedade e terminando no momento da venda, com a depreciação efetiva.

No atual momento de crise e considerando todos os aumentos no custo de vida decorrentes das altas da inflação, do dólar, dos juros e dos tributos (como o anunciado retorno da terrível CPMF), é essencial realizar um bom planejamento financeiro. Para tanto, você precisa saber para onde está indo o seu dinheiro, inclusive para evitar as dificuldades que têm levado outras pessoas ao aumento da inadimplência.

A partir da avaliação dos seus dados e do seu perfil, ficará mais fácil checar se o seu carro está de acordo com sua capacidade financeira. Além disso, você poderá monitorar a evolução dos gastos ao longo dos meses, tendo a possibilidade de priorizar as despesas mais prioritárias e reduzir as supérfluas (ou que podem ser adiadas).

É sempre bom lembrar que a compra de um carro representa um dos maiores gastos que temos em nossas vidas. Para quem precisa utilizar modalidades de financiamento, no atual contexto de juros exorbitantes e restrições ao crédito, os impactos precisam ser bem analisados.

Adicionalmente, é preciso ter consciência a respeito dos custos para manter o carro, que pesam bastante no orçamento mensal das pessoas e famílias.

Nesse sentido, há uma série gigantesca como os gastos relacionados com consumo de combustível, IPVA, licenciamento, seguro DPVAT, seguro particular, revisões, trocas de peças e pneus e demais despesas, como as ocasionais com estacionamento, multas, pedágio e lavagens e etc.

Diante dessa imensidade de custos, algo que realmente precisa ser evitado é a tal da “contabilidade mental”. Afinal, são múltiplos gastos ao longo do tempo e dificilmente alguém consegue ter na mente isso tudo para tomar suas decisões. Portanto, é essencial que exista algum tipo de controle, que pode ser em papel ou ferramentas eletrônicas.

Se você dá valor ao seu dinheiro e pretende estar melhor preparado para enfrentar os desafios financeiros com seu carro, aproveite esta chance: clique aqui para baixar imediatamente a sua planilha. Espero que seja útil! Obrigado pela atenção, forte abraço e até a próxima!

PS: Para facilitar o controle dos gastos com o seu carro, eu elaborei uma planilha completa e de fácil preenchimento. Ela permitirá cuidar melhor do seu orçamento e você pode baixá-la agora, gratuitamente, no seguinte link: →  http://bit.ly/PlanilhaCarro

Foto “Vehicle concept”, Shutterstock.

Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários

  • Daniel Gizo

    Infelizmente esse link para download dá erro depois que se faz o cadastro do email. Leandro Mattera agora tem meu email para enviar newsletter e não tenho a planilha oferecida pelo site. Mau negócio…

    • Leandro Mattera

      Olá, Daniel Gizo, obrigado por comentar, mas peço sua compreensão porque esse é um caso isolado. Milhares de pessoas já baixaram a planilha e esse é o primeiro caso de problema (que claro, sempre pode acontecer). Peço desculpas pela falha e, caso você ainda não tenha recebido o link para baixar no seu e-mail, peço que me envie uma mensagem no meu e-mail [email protected] e enviarei diretamente. Obrigado e abraço!

      • Samuel Ortiz

        No meu caso deu certo
        Obrigado

  • Davidson

    Link quebrado!