A pergunta que mais recebemos aqui no Dinheirama é: “Qual é o melhor investimento?”. Ao longo dos anos, nos esforçamos para encontrar essa resposta, mas não é assim tão simples.

Por aqui, sempre consideramos a subjetividade necessária, porque no fundo o melhor investimento é aquele que efetivamente propicia às pessoas realização de sonhos e coloca sentido no planejamento familiar.

Nos últimos meses, apontar os melhores investimentos se tornou um desafio interessante; os altos juros que o país adotou para reprimir o consumo e tentar controlar a inflação facilitaram muito a vida daqueles investidores que preferem manter os pés (totalmente) no chão e apenas aproveitar a segurança e a boa rentabilidade dos produtos de renda fixa.

Por aqui, recheamos o Dinheirama com muito conteúdo sobre os principais produtos de renda fixa: Tesouro Direto, LCI, LCA, CDB, Fundos DI foram temas explorados para satisfazer a curiosidade dos leitores.

Mas afinal, entre os produtos de renda fixa, qual o melhor e mais rentável para meu objetivo?

O momento de insegurança e volatilidade do Brasil facilitou a vida de muitos que escolheram a renda fixa como destino seguro para boas rentabilidades, ainda assim a dúvida sobre o investimento mais adequado persiste.

Afinal será que esses produtos, que em algum momento parecem mais uma “sopa de letrinhas”, são mais adequados do que a já conhecida Caderneta de Poupança?

Para oferecer aos leitores uma boa base de comparação, o Dinheirama preparou, com a ajuda do Analista CNPI da Rico.com.vc Leandro Martins, uma planilha gratuita de comparação de investimentos de renda fixa (clique e baixe sua versão).

Através de sua planilha é possível simular e comparar as melhores condições de cada investimento, incluindo as taxas de administração aplicadas pela corretora e o valor de imposto de renda.

A ideia da planilha de comparação de investimentos em renda fixa (baixe agora a sua clicando aqui) é simples: queremos oferecer a você uma fotografia atual de quais investimentos são mais interessantes para ajudá-lo nesta importante decisão.

Você notará que existem alguns poucos campos editáveis (em cinza) e todo o resto é automático, com as fórmulas e cálculos obedecendo a lógica aplicada no mercado financeiro.

Faça agora sua escolha por um futuro melhor

Investir é o melhor caminho para construir sua liberdade! Escolher o melhor caminho é parte crucial dentro do planejamento, por isso baixe agora mesmo sua planilha de comparação de investimentos em renda fixa (clique aqui) e descubra como escolher facilmente as melhores opções de investimento para realização de seus sonhos. Até a próxima!

Foto “Spreadsheet”, Shutterstock.

Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários

  • Emílio Augusto

    Muito boa a planilha, porém para investimentos abaixo de 6 meses (alíquota de imposto de renda de 22,5%) esta dando erro ao fazer os cálculos (#VALUE!), só calcula corretamente para a poupança.

    • Emílio Augusto

      Meu separador decimal está no padrão americano “.”, vai a dica, ou troca o separador decimal no próprio excel ou vai na célula L22 e troca o 22,5% e o 17,5% por 22.5% e 17.5%. 🙂

  • Pingback: Simulador de Aposentadoria - Simular Financiamento()