Olá amigo leitor, tudo bem? Chegou mais um Top5 Dinheirama. Como você já sabe, todo início de semana, publicamos uma seleção com o resumo dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior.

A ideia é lhe oferecer um panorama das preferências de outros leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

Você é preguiçoso? Entenda como a preguiça pode arruinar seu sucesso

Preguiça ou excelência? O que você prefere? A resposta é óbvia, eu sei, mas a simplicidade da pergunta também esconde um desafio enorme: praticar aquilo que todo mundo sabe ser o melhor para se desenvolver e prosperar.

É preciso admitir que, na maioria das vezes, agimos com preguiça. A excelência é sempre uma meta, um desejo, quando deveria ser a escolha cotidiana, o estilo de vida em torno de toda e qualquer ação, da mais simples à mais complexa.

Clique aqui para ler o post completo

5 Itens sobre a riqueza, mas só para quem quer ser rico de verdade

Tenho notado que cada vez mais as pessoas querem resposta para a pergunta: “Como faço para ser rico?”. Preciso confessar que me fiz essa mesma pergunta há alguns anos atrás.

Na época eu acreditava, como 95% da população, que a riqueza estava relacionada à quantidade de dinheiro que eu ganhava todo mês. Ou seja, quanto maior fosse meu salário, mais rico eu seria. Eu também acreditava que meus colegas de trabalho, amigos e familiares eram as melhores pessoas para buscar aconselhamento financeiro já que eram pessoas em quem eu confiava.

Clique aqui para ler o post completo

Recomeçar: quantas vezes você acha que consegue?

Nesta semana resolvi escrever sobre recomeços, talvez porque tenha feito aniversário recentemente e parece que aniversários são sempre uma boa ocasião para começar de novo ou iniciar um ciclo diferente, não é mesmo?

O fato é que considero o tema importante porque sempre que falo sobre o mesmo, me dou conta que, apesar de recomeçarmos o tempo todo na vida, continuamos achando que é muitíssimo difícil iniciar alguma coisa do zero. Pode ser um relacionamento, uma carreira, um empreendimento, um investimento… tanta coisa! A impressão que dá é que passou um furacão e agora precisamos ver o que sobrou antes de seguir em frente.

Clique aqui para ler o post completo

4 lições de Game of Thrones para o mundo corporativo

A famosa série Game of Thrones, produzida e exibida pela HBO, baseada nos livros de George R. R. Martin, é conhecida pelos combates físicos e políticos de famílias em busca de poder. Enquanto alguns personagens são alheios à essas situações, outros participam diretamente e as escolhas individuais podem ter grande peso para todos.

A sétima temporada do seriado começou no dia 16 de julho, mas a produção não precisa ser usada apenas como fonte de entretenimento. Confira 4 lições que Game of Thrones pode ensinar ao mundo corporativo:

Clique aqui para ler o post completo

O impacto da Inteligência Artificial na indústria financeira

De todas as importantes tendências tecnológicas que impactam a indústria financeira, a chamada Inteligência Artificial (I.A.) vem dando o que falar. Assim como sua “prima” Blockchain, a I.A. traz à tona questões de grande impacto na sociedade e na economia global.

Estamos falando de disrupção generalizada não só dos modelos de negócios, mas também do mercado de trabalho com enormes mudanças previstas no conjunto de habilidades necessárias para prosperar neste novo cenário.

Clique aqui para ler o post completo

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários