E o ano está terminando. Logo já chega a hora em que começamos a dar aquela parada para avaliar o que conseguimos fazer dentro do programado, nos culpamos por tudo aquilo que pretendíamos fazer e não conseguimos, e também começamos a traçar novos rumos relacionados ao que ainda pretendemos fazer. É sempre a mesma história, não é mesmo? Mas o bom é que ela pode ter finais diferentes, só depende da gente.

Imperdível: 5 ações para comprar agora

Eu particularmente não acho que uma alteração de data no calendário é o que deveria nos guiar para as mudanças e planejamentos, mas é inegável que acaba sendo mais fácil aproveitar toda a energia de algo prestes a começar para jogar no lixo o que passou e não foi legal, e ganhar 365 páginas totalmente novas, em branco, para desenhar algo muito mais bonito. Você concorda?

Minha pergunta para você agora (e aproveito para fazer esta pergunta a mim mesma também) é: O que você leva de lições para o ano que vai começar? Certamente você passou por uma série de coisas neste ano que está terminando. Pode ter tido várias perdas, cometido diversos erros, aprendido de uma forma que você preferiria que tivesse sido mais fácil, e etc. Porém, estas coisas todas devem servir de lição. Nem sempre sabemos porque temos que passar por determinadas situações, mas certamente elas nos deixam mais fortes e conscientes cada vez que acontecem. Isso se de fato estivermos abertos a aprender com elas e não arrastá-las conosco.

Baixe grátis: Guia completo sobre investimentos

Além das lições, quais as metas que você pretende realizar? Provavelmente a muitas delas você até já deu início neste ano, mas não conseguiu dar aquela continuidade necessária para alcançar os objetivos finais. Neste caso, valorize os primeiros passos e aproveite para dar continuidade a eles. E se nem sequer começou, não tem problema, aproveite agora. Sempre é tempo!

Pode ser que você tenha como meta cuidar melhor de si mesmo. Para isso, que tal começar a programar uma rotina de exercícios físicos, uma melhora na alimentação, o abandono de alguns vícios? Também pode ser que você queira passar a controlar melhor seu dinheiro. Oras, estar aqui no Dinheirama lendo os materiais que postamos já é um passo muito legal. Mas que tal começar a colocar em prática tudo aquilo de que constantemente falamos aqui? Como criar uma planilha de receitas e despesas caso ainda não tenha? Cortar gastos que não fazem sentido? Substituir gastos desnecessários, separar um dinheiro para investir, e etc.?

Lembre-se: para que as coisas deem certo, não basta apenas pensar nelas, é preciso agir, mesmo que devagar, um passo por vez. E hoje é o melhor dia para começar a organizar tudo aquilo que anda parado na sua vida, esperando apenas um pouquinho mais de atenção e prioridade. Pronto para isso? O que você precisa priorizar agora para tornar a sua vida melhor?

eBook gratuito recomendado: O novo aposentado

Jogue fora o que não serve

Além de avaliar as lições que devem ficar e as metas a serem planejadas e cumpridas, é importante analisar o que deve ser jogado fora. Sim, porque como já disse lá atrás, não podemos arrastar conosco o que não faz mais sentido. Muitas situações só servem para nos fazer mal quando são relembradas.

Muitos traumas só servem para emperrar o nosso futuro se continuarem morando dentro de nós. Muitos acontecimentos só servem para nos deixar receosos se ficarmos permanentemente nos lembrando deles. Por isso, separe as lições que ficam e jogue fora aquelas que não merecem continuar com você, combinado? Pode não ser fácil, eu sei. É um trabalho constante de vigia dos pensamentos, na verdade, mas é possível, tenho certeza que você consegue se fizer um esforço.

Outra coisa importante, além de falar de metas, lições e aprendizados, é pensar em sonhos. Quais os sonhos que você pretende priorizar desta vez? Sabemos que são os sonhos que nos movem, por isso uma vida sem sonhos acaba não fazendo muito sentido. Diferente de metas práticas, como organizar melhor o dinheiro, se cuidar ou qualquer coisa do tipo, sonhos nem sempre podem ser tão fáceis de serem realizados ou práticos para serem inseridos no dia a dia, mas isso não deve fazer com que você desista deles, pelo contrário.

Pense firmemente no que precisaria ser feito ou mudado para que estes sonhos passem a se tornar algo concreto, ainda que não seja hoje nem amanhã, mas que o ano novo possa permitir aquele primeiro passo para a sua realização, entende? Pode ser que você sonhe em fazer um curso no exterior, ou ganhar independência financeira em determinada idade, ou fazer uma festa de casamento dos sonhos, entre outras coisas. Sonhos são extremamente individuais e colaboram para que a vida seja mais rica, mais colorida.

eBook gratuito recomendado: Pai, Dinheiro!

Com relação a isso, procure também não pensar nas dificuldades, mas visualizar os resultados concretos lá na frente, e avalie como você poderia se programar para torná-los reais. Tenho certeza de que se começar já, tudo ficará bem mais fácil e daqui a um pouco você agradecerá a si mesmo por ter dado o primeiro passo. Vamos lá? Que seja um ano realmente novo e melhor para todos!

Janaína Gimael
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários

  • José Antonio

    Como sempre Janaína, você vai direto ao ponto, por isso gosto de ler seus textos.Objetiva e precisa em seus conselhos.Meu ano foi muito bom em relação à metas realizadas se comparado com 2016 ouve muitos progressos e já estou me preparando para 2018 com metas de curto, médio e longo prazos.Já controlo com planilha meu orçamento há muito tempo e isto realmente funciona.Tanto na área pessoal como na profissional tenho muitos sonhos que quero realizar. Seu conselho será de grande valia para implementá-los.Bom ano à você e à todos do dinheirama.

    • Janaina Gimael

      Olá José Antonio, muito obrigada pelo comentário! 🙂 Fico feliz de saber sobre estes progressos! O importante é estarmos sempre melhorando, um dia após o outro, um ano após o outro, no tempo que nos for melhor! Um ótimo 2018 para você também. Que possamos colher muitas coisas boas!

  • Henrique Muniz

    Excelente, gosto muito de seus textos Janaina. Desde já um feliz 2018 a todos, e tudo de bom. !!!!!!