Quem já viajou na classe econômica em um voo internacional sabe que passar horas naquela poltrona apertada e com pouco espaço para as pernas não é nada confortável.

Mas é possível fazer daquele voo super cansativo uma experiência mais agradável, quer ver? Confira algumas dicas simples que qualquer pessoa pode seguir:

1. Saiba escolher o melhor assento

Os assentos próximos a saída de emergência são os mais espaçosos e, por isso, algumas cias aéreas cobram um valor adicional devido ao conforto. Consulte antes de reservar.

Outra dica é acessar o site http://www.seatguru.com/ ou baixar o aplicativo com o mesmo nome. Lá você coloca os dados do voo, cia aérea e tem acesso ao mapa de assentos com a recomendação dos melhores lugares.

2. Marque o assento assim que comprar a passagem

Muita gente acha que o assento só pode ser marcado no momento do check-in, por isso acaba pegando o que sobrou e muitas vezes não consegue sentar ao lado do acompanhante. Assim que efetuar a compra da passagem, acesse o site da cia aérea e marque o seu assento.

3. Leve um travesseiro

Aquele travesseiro que se encaixa no pescoço irá transformar a sua viagem e o seu sono! Para não ocupar espaço na mala, há a opção de travesseiro inflável. Pode até parecer uma bobagem, mas você não vai chegar no destino com uma baita dor no pescoço ou demorar para dormir, pois não acha uma posição confortável. Experimente e me agradeça depois.

4. Faça o check-in online

Para que ficar horas na fila do aeroporto, tenso com o horário de embarque, se você pode ir direto para o balcão apenas para deixar a sua bagagem? Fazer o check-in online vai livrar você da longa espera, bem comum em voos internacionais.

5. Leve filmes no seu celular ou tablet e um bom fone de ouvido

Se as opções de filmes não te agradarem, você pode ter a sua própria seleção na sua mão. Além disso, ajuda a passar o tempo se chegar com muita antecedência no aeroporto. Uma outra dica é ter um bom fone de ouvido, pois nem sempre os oferecidos no avião são de boa qualidade (quando oferecidos). Há fones que isolam o ruído externo (um investimento para quem não consegue dormir com barulho).

6. Leve carregador extra

Os smartphones consomem muita bateria com o tanto de aplicativos que utilizamos. Ter um carregador portátil para não ficar na mão e poder se comunicar com os familiares é quase que um item obrigatório.

Leitura recomendadaComo viajar para os Estados Unidos mesmo com o dólar nas alturas

7. Prepare alguns snacks

Não vá apenas contando com a refeição do avião, pois nem sempre o horário de servir é o mesmo da sua fome. Leve alguns chocolates, barras de cereais, biscoitos, castanhas secas ou antes do embarque aproveite para comprar aquele delicioso Toblerone no Duty Free.

Lembre-se que se tiver alimentos de origem animal ou sementes, será preciso jogá-los fora antes de entrar no país de destino, como nos EUA, por exemplo.

8. Use roupas e calçados confortáveis

Se quiser se sentir confortável, evite usar roupas apertadas. Prefira malhas macias e que dão mobilidade. Para algumas pessoas, viajar de calça jeans pode ser um tormento. Saiba que é normal sentir inchaço durante o voo e tudo que está justo ficará bem desconfortável depois de um tempo.

Evite também sapatos e tênis que são justos ou com muitos detalhes, pois depois de muitas horas sem o calçado e os pés inchados, você terá que fazer uma boa ginástica para colocá-los.

9. Bolsinha de dinheiro

Deixar a bolsa com dinheiro para ir ao banheiro pode dar aquela insegurança. Por isso, aquela bolsinha presa na cintura é uma boa pedida.

10. Movimente-se

Ficar horas na mesma posição e ainda inchar não é agradável, além de poder prejudicar a saúde. Para ativar a circulação, levante-se a cada duas horas e faça uma caminhada.

Movimentar os pés fazendo círculos e alongá-los enquanto está sentado também é recomendado. Leve uma meia extra e confortável para fazer as caminhadas.

11. Seja gentil com os tripulantes

Essa dica nem precisaria ser passada, pois ser educado é básico, não é mesmo? Mas temos aqueles dias de mau-humor ou tensão de viagem e não atentamos a pequenos gestos. Trate bem os comissários e sempre seja gentil. Afinal, gentileza gera gentileza e torna tudo mais agradável.

12. Monte seu kit spa

Já que a classe econômica não oferece aquele kit cheio de mimos, o jeito é fazer você mesmo. Leve uma bolsinha com hidratante para pele e um para a boca, pois o ar-condicionado resseca, uma máscara de dormir (ótima para não ser acordado com a luz do vizinho), colírio para quem usa lentes de contato, lenço umedecido, escova e pasta de dente, espelhinho e uma pequena escova de cabelo.

Tudo isso irá te ajudar a se sentir mais confortável e evitar chegar no destino com uma aparência cansada.

Gostou das dicas? Garanto que a sua próxima viagem será muito melhor, mesmo sendo na classe econômica.

Leitura recomendadaRiqueza de verdade é acumular experiências (e lembranças), não apenas dinheiro

Foto “airplane”, Shutterstock.

Daniella Gomes
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários