Ingrid comenta: “Navarro, estou empregada há pouco mais de um ano em uma grande multinacional. Nos primeiros dois meses tudo foi empolgante, mas em seguida percebi coisas erradas acontecendo. Sabendo que eu poderia ajudar, passei a sugerir algumas melhorias em processos nas nossas reuniões de equipe. Meu gerente até manifestou algum agrado, mas meus colegas logo me disseram em particular que eu não deveria perder tempo extra e energia com isso. Se o chefe precisasse, ele é quem deveria pedir e indicar o que fazer. Fiquei confusa. Você, como empreendedor experiente, o que me diz? Devo seguir sugerindo as melhorias ou devo ficar no meu canto? Obrigada”.

Atitudes no ambiente de trabalho são sempre parte de discussões interessantes, e a palavra em foco aqui é iniciativa. Podemos defini-la como uma característica ou qualidade (rara) que leva as pessoas a se manifestarem e fazerem o que é preciso ser feito, sem que alguém peça ou diga que deve ser feito.

Como vemos, nossa leitora estava na rota certa da iniciativa, mas o que aconteceu em seguida foi que ela se deparou com a grande maioria que não possui esta qualidade, e naturalmente se incomoda com quem a possui. E há uma razão de ser assim: o mundo costuma premiar aqueles que agem com iniciativa, e isso desagrada quem não a possui e não se interessa em exercitá-la. É duro, mas é a verdade!

Iniciativa e liderança

A beleza da iniciativa é que ela está intimamente ligada à liderança. Você não consegue se tornar um líder de uma hora para outra, mas se você criar o hábito de ter iniciativa, então as pessoas à sua volta irão perceber isso e, naturalmente, irão enxergá-lo como um líder. A iniciativa, portanto, é uma ferramenta poderosa para que você conquiste a liderança. Isso, aliás, é parte da história que explica a diferença entre um “chefe” e um líder.

Dica 1: Pare de procrastinar

Entenda muito bem que não é possível desenvolver o hábito de ter iniciativa enquanto você ficar deixando para a amanhã aquilo que você pode fazer hoje (ou poderia ter feito semana passada). Aliás, vou pegar pesado de novo: muito difícil você alcançar qualquer nível de sucesso sem abandonar o costume horrível de procrastinar.

E tem outra coisa: deixar de procrastinar não é apenas fazer de uma vez alguns itens urgentes, mas incluir coisas importantes na sua agenda, como planejamento financeiro, leituras, cuidados com a saúde e etc. Parar de procrastinar é trabalhar suas prioridades de forma que você faça o que é importante e necessário.

Leitura sugerida: 5 Livros que todo líder deve ler se quiser fazer a diferença

Dica 2: Pratique a iniciativa

Em quase todas as situações de nosso cotidiano é possível exercer a iniciativa. Desde uma melhoria no seu trabalho até ajudar um idoso a atravessar a rua, você precisa estar atento e pronto para colocar em prática a iniciativa.

Ao fazer isso, não espere uma recompensa imediata, seja ela de que tipo for. Apenas faça o que precisa ser feito com o objetivo de desenvolver este importante hábito. Dinheiro e reconhecimento são importantes, mas as grandes recompensas da vida não são medidas apenas nestes termos. Um trabalho benfeito gera um tipo de alegria e satisfação que não deve ser ocupado apenas pelo prazer de ser pago por isso.

Leitura sugerida: Quer ser um líder de verdade? Cuidado com estes dois estilos de liderança

Dica 3: Seja um multiplicador da iniciativa

Uma vez que você já praticou o suficiente para que a iniciativa esteja presente no seu estilo de vida, agora é a hora de ensinar essa qualidade para outras pessoas. Seja você o motivo de alegria das pessoas e experimente uma sensação ímpar de felicidade em sua vida. É assim que líderes geram líderes! Comece com as pessoas mais próximas e em seguida expanda para outros.

Leitura sugerida: 5 Filmes sobre superação e liderança que você deve assistir

Conclusão

Antes de encerrar, quero chamar sua atenção para um ponto adicional: se você não for um bom exemplo para as pessoas, não adianta dar sermões para elas. Isso será inútil. Sempre desenvolva o tipo de caráter que você quer encontrar por aí – e viver assim só será possível através de suas ações.

Digo isso porque para ser um bom líder, você também precisará desenvolver e cuidar de seu caráter, e para isso você precisará de muita iniciativa. O mundo carece de líderes de verdade, e você pode ser um deles! Está esperando o quê? Você já sabe o que fazer. Obrigado e até a próxima!

Foto “Initiative”, Shutterstock.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários