O mercado de franquias atrai a cada ano mais interessados. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), existem atualmente no Brasil mais de 2400 marcas franqueadoras.

Este modelo de negócios é bastante procurado, pois oferece uma série de benefícios ao empreendedor, como a possibilidade do uso de uma marca já consolidada e conhecida no mercado, o amplo sistema de suporte para implantação e a gestão do negócio.

Quais as franquias mais buscadas no Brasil?

Veja, neste artigo, quais são as 5 franquias mais buscadas no Brasil. Entre as diversas opções de franquias disponíveis no mercado brasileiro, algumas se destacam por sua credibilidade, história no mercado e também pelas vantagens oferecidas. Conheça a seguir as 5 franquias mais buscadas no Brasil:

1. O Boticário

O Boticário se destaca como uma das melhores franquias para se investir e também está na lista das mais procuradas pelos empreendedores. A empresa é líder no segmento de perfumes e cosméticos, contando atualmente com uma rede de mais de 2,6 mil lojas em todo o país.

O investimento inicial para abertura de uma loja fica em torno de R$ 250 mil para montagem, mais o capital de giro para manutenção do negócio. O faturamento médio mensal é de R$ 70 mil.

2. Hering Store

A Hering é uma marca brasileira muito bem-sucedida, tendo iniciado sua história em 1880, em Blumenau (SC), e fazendo sua expansão através do modelo de franquias em 1993. Atualmente, a rede conta com mais de 640 lojas, incluindo 17 delas no exterior.

O investimento inicial para abertura do negócio é em torno de R$ 3,6 mil por metro quadrado para montagem da loja, mais o estoque inicial de R$ 150 mil e capital de giro para manutenção do negócio, totalizando em torno de R$ 400 mil. O faturamento médio mensal é de R$ 160 mil.

Leitura recomendada: Franquias: 6 pontos importantes para quem quer investir

3. Cacau Show

A Cacau Show está na lista das empresas que mais crescem no Brasil, estando entre as franquias mais procuradas por empreendedores. A empresa foi fundada em 1998 pelo empresário Alexandre Costa, tornando-se, em apenas 25 anos, uma das maiores redes de chocolates finos do mundo.

O investimento inicial para abertura de uma loja fica em torno de R$ 130 mil para montagem, mais o capital de giro para manutenção do negócio. O faturamento médio mensal é de R$ 60 mil.

4. Localiza

A Localiza é uma empresa especializada em aluguel de carros, sendo uma das maiores no Brasil e na América Latina, contando com mais de 42 anos de experiência. Fundada em 1973, hoje a empresa conta com mais de 552 agências nas principais cidades e aeroportos brasileiros e também em outros países.

O investimento inicial para abertura de uma loja fica em torno de R$ 100 mil para montagem mais o capital de giro para manutenção do negócio. O faturamento médio mensal é de R$ 110 mil.

5. Bob´s

O Bob´s foi fundado em 1952 e atualmente possui mais de 1000 pontos de vendas em todo o Brasil (e também em outros países). A empresa é uma das maiores no setor de alimentação rápida e é uma das franquias mais buscadas pelos empreendedores.

O investimento inicial para abertura de uma loja fica em torno de R$ 700 mil para montagem, mais o capital de giro para manutenção do negócio. O faturamento médio mensal é de R$ 150 mil.

Leitura recomendada: 5 Coisas que você precisa saber antes de largar o emprego para empreender

Conclusão

Empreender é sempre um enorme desafio. Ser dono do próprio negócio é uma opção interessante desde que o empreendedor entenda que, mesmo nessa nova situação, será indispensável muito trabalho, planejamento e foco para não se perder no meio do caminho.

A chance de sucesso para quem opta pelas franquias depende de muitas escolhas, uma das principais é justamente o ramo de atuação e a empresa em si. Por isso, a familiaridade com o mercado escolhido certamente e uma pesquisa detalhada podem ser importantes. Sucesso e até a próxima!

Foto “Dark chocolate”, Shutterstock.

Ricardo Pereira
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários