O título confunde. E é este o objetivo. Os grandes (agora também os pequenos) bancos, financeiras, lojistas usam uma tática muito eficiente: eles propagam a complexidade para vender a facilidade. Ou, usando termos mais capitalistas, eles espalham a dificuldade para vender a solução. Ou você nunca ouviu do seu gerente de banco que a previdência é um dos melhores investimentos de longo prazo, que existem modalidades de retenção direta (uma espécie de débito automático) que facilita seu dia-a-dia e garante sua aposentadoria. Mas será que eles ao menos perguntaram se o que você procura é algo para a aposentadoria? Se você não sabe pra que foi ao banco, eles logo logo tratam de te dar um motivo e usam a tática explicada no começo do parágrafo. Cuidado. E o tal 10 vezes sem juros? História pra boi dormir né?

O importante é educar-se de forma a sempre investigar e procurar entender como o dinheiro flui e como ele pode ser melhor gerido dentro de sua esfera pessoal. Aqui vai um exemplo clássico, citado em vários livros e que nunca fica velho:

O Sr. Fulano de tal, depois de alguns anos conseguiu comprar um apartamento de relativo luxo. Ele vale R$ 200.000,00, tem um ótimo espaço e uma bela vista. Ele está feliz. De repente alguém bem chegado, e com muita paciência, tenta explicar alguns efeitos interessantes da matemática financeira a este querido personagem. Então ele resolve tomar uma atitude. Decidiu desfazer-se do apartamento, vender pelo preço que pagou e combinar com o novo dono uma forma de permanecer no apartamento, pagando o valor de aluguel vigente no momento, que girava em torno de R$ 1000,00. Tudo acertado, ele agora tinha R$ 200.000,00 e ainda estava no apartamento. Só que ainda tinha R$ 1000,00 para pagar o condomínio e reinvestir. Como? Muito simples: ele aplicou os R$ 200.000,00 em algum fundo com rentabilidade de 1% ao mês, ou seja, R$ 2000,00.

Claro que o exemplo anterior é parte do Mundo Mágico de Moranguinho, onde não existe retenção de IR ou mesmo taxa de administração. Ainda assim, você há de convir que a conta parece bastante atraente não é mesmo? Qual o segredo do Fulano de tal? QI elevado? Sorte? Acham que ele fez um mau negócio? “Ah, mas e a casa dos meus sonhos Navarro”? Bom, essa é uma outra história. Aqui estou falando de cash, grana, dinheiro! Quer ou não quer? Quer dizer que existem bons investimentos, com boa rentabilidade, baixas taxas de administração? Claro que sim! Precisamos entender como funciona cada tipo de aplicação e investigar. Motivado?

Vou falar mais sobre estes investimentos ao longo da semana: renda fixa, fundos de ações, DI e CRI (imóveis). Enquanto isso, sugiro que entre no site de seu banco, na opção investimentos e procure pela tabela de rentabilidade dos fundos. Mas procure também as taxas de administração. Ah, e faça isso para outros bancos também, as tabelas estão disponíveis para todos, inclusive não clientes. Se não entender nada, nÃo desista. Ali estão os segredos para melhorar a SUA situação financeira e o SEU futuro. Vamos devagar e chegamos lá. Abraço.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários