Home Mercados Abertura de mercado: tendência de baixa e indefinida no mundo

Abertura de mercado: tendência de baixa e indefinida no mundo

Os futuros do Índice Ibovespa amanheceram em queda, com o mercado voltando sua atenção para a reunião do Copom, que começa amanhã

por Redação Dinheirama
0 comentário

Brasil

O futuro do Índice Ibovespa amanhece no campo negativo. A cautela quanto ao âmbito fiscal persiste entre os investidores, que também aguardam a decisão do Comitê de Política Monetária sobre a taxa básica de juros do país. A reunião se inicia hoje.

EUA

Os futuros dos mercados americanos operam com estabilidade. Os índices Dow Jones (Futuro) e S&P 500 (Futuro) apresentam quedas leves. Investidores aguardam dados importantes sobre as vendas no varejo de maio e discursos de seis diretores do Banco Central Americano (FED), antes do feriado nacional de amanhã (19)

Ásia

Os principais índices asiáticos operaram sem direção única. O mercado avalia resultados de produção industrial abaixo das expectativas e medidas de estímulo ao mercado imobiliário que não surtiram o efeito projetado. Em paralelo, está atento às próximas falas de autoridades monetárias americanas, que podem influenciar as ações asiáticas.

Europa

As bolsas europeias operam em alta. O mercado acionário europeu avança com os ganhos das ações asiáticas do setor tecnológico, apesar das incertezas quanto à situação política da França.

Panorama do mercado

Fonte: Bloomberg – Elaboração: Finclass

(Por Ana Flavia Farias)

Dinheirama

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.