Home Comprar ou Vender Ação da Pague Menos será a campeã do setor no 2º tri, diz Safra

Ação da Pague Menos será a campeã do setor no 2º tri, diz Safra

Os analistas esperam um crescimento anual de 11% e margem Ebitda fixa na base das sinergias da Extrafarma, que devem compensar a margem bruta mais baixa

por Gustavo Kahil
0 comentário

As ações da Pague Menos (PGMN3) serão o destaque do setor farmacêutico no segundo trimestre de 2024, avalia o Banco Safra em um relatório enviado a clientes.

Os analistas esperam um crescimento anual de 11% e margem Ebitda fixa na base das sinergias da Extrafarma, que devem compensar a margem bruta mais baixa. O balanço será divulgado no dia 5 de agosto.

Enquanto isso, a receita da RD (RADL3) deve crescer a um ritmo mais rápido (15% ano a ano), mas a margem Ebitda provavelmente estará sob pressão (-26 pontos-base a/a). O balanço será divulgado no dia 6 de agosto.

Já a Panvel (PNVL3) deve ter um crescimento de mais de 11% em relação ao ano anterior, mas uma redução de 97 pontos-base na margem Ebitda, principalmente devido às despesas mais altas relacionadas às inundações no Rio Grande do Sul e à menor margem bruta na sequência de um mix de vendas mais pobres. A agenda de divulgação ainda não foi publicada.

Para a indústria farmacêutica, o trimestre não deve ser inspirador, diz o Safra.

A estimativa é de que a Hypera (HYPE3) publique uma queda de 2% na receita líquida anual devido às composições difíceis da empresa (+17% a/a no mesmo período do ano anterior). Além disso, a margem Ebitda deve diminuir (-97 bps a/a) devido a um mix de vendas mais pobres. O balanço será divulgado em 25 de julho.

Por dim, a Blau (BLAU3) deve publicar mais uma vez outro conjunto de resultados sem brilho, enquanto um ambiente competitivo ainda difícil para imunoglobulina e especialidades pode pressionar as margens da empresa mais uma vez (margem Ebitda -728bps e margem líquida – 735bps a/a). O balanço será divulgado em 6 de agosto.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.