Home Comprar ou Vender Ação da Sabesp está perto de “desbloquear valor”, diz Itaú BBA

Ação da Sabesp está perto de “desbloquear valor”, diz Itaú BBA

A análise de Marcelo Sá indica que a Sabesp está em um momento crucial

por Gustavo Kahil
0 comentário

O Itaú BBA elevou o preço-alvo das ações da Sabesp (SBSP3) de R$ 83,60 para R$ 120,3 e reforçou a sua recomendação de compra, mostra um relatório enviado a clientes nesta terça-feira (19) e assinado pelo analista Marcelo Sá.

Esta revisão, resultante da incorporação do novo marco regulatório proposto no processo de consulta pública, sugere um potencial de valorização de quase 58% em relação ao preço atual das ações.

Contrato

O processo de consulta pública aberto pelo governo do estado de São Paulo é um movimento para estabelecer um novo modelo de contrato de concessão entre a Sabesp e os municípios.

Marcelo Sá aponta: “Acreditamos que os termos propostos são equilibrados, permitindo à Sabesp criar valor, se operar eficientemente e cumprir as metas de universalização”.

Este novo quadro regulamentar promete menos espaço para discricionariedades por parte do regulador, especialmente em questões críticas como o reconhecimento de investimentos e o cálculo de despesas operacionais.

Desbloqueando valor

A consulta pública revela um cenário onde a Sabesp mantém todos os ganhos de eficiência gerados durante o primeiro ciclo tarifário, com uma possível partilha de ganhos a partir do segundo ciclo.

“Nosso modelo pressupõe que a empresa conseguirá reduzir cerca de 50% de seu opex unitário controlável até o final de 2028”, relata Marcelo Sá. Este cenário abre um vasto espaço para a valorização da empresa, mantendo parte dos ganhos de eficiência.

Uma questão chave para a futura valorização da Sabesp será a sua governança e a capacidade de atrair investidores estratégicos. Marcelo Sá expressa preocupações sobre a performance recente da empresa e as dúvidas dos investidores sobre a capacidade do Estado em atrair tal investidor.

O analista vê positivamente a possibilidade de um leilão separado para investidores estratégicos, destacando que “aumenta as chances de atrair um investidor estratégico, que ainda poderá fazer lances mesmo que o preço das ações suba muito”.

Futuro

A análise de Marcelo Sá indica que a Sabesp está em um momento crucial. Com o novo marco regulatório, existe um potencial substancial para a empresa desbloquear valor e melhorar sua eficiência operacional.

A questão da governança futura e a estratégia para atrair investidores estratégicos serão cruciais para realização desse potencial. Grandes nomes como Equatorial (EQTL3), Cosan (CSAN3), Votorantim e Aegea estão no radar, analisando a oportunidade de investimento na Sabesp, o que pode significar um futuro promissor para a empresa.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.