Home Mercados Ações da China caem com queda de small caps apesar do PIB forte

Ações da China caem com queda de small caps apesar do PIB forte

As ações das incorporadoras perderam 0,4% e as do setor de turismo caíram 4,2%

por Reuters
0 comentário

As ações da China caíram nesta terça-feira, com as small caps liderando o declínio já que indicadores econômicos de março mostraram que a recuperação está perdendo força, apesar dos dados do PIB mais fortes do que o esperado.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, fechou com queda de 1,07%, enquanto o índice de Xangai caiu 1,65%. Já o índice Hang Seng, de Hong Kong, teve perda de 2,12%.

As ações globais caíram para mínimas de dois meses nesta terça-feira depois que as vendas no varejo dos Estados Unidos mais fortes do que o esperado reforçaram ainda mais a opinião de que o Federal Reserve pode não se apressar em cortar a taxa de juros este ano. As tensões geopolíticas no Oriente Médio ainda afetaram o apetite por risco.

O Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 5,3% entre janeiro e março em relação ao ano anterior, mostraram dados divulgados pelo Escritório Nacional de Estatísticas, confortavelmente acima da expectativa dos analistas em uma pesquisa da Reuters de um aumento de 4,6% e um pouco mais forte do que a expansão de 5,2% nos três meses anteriores.

Entretanto, uma série de indicadores de março divulgados juntamente com os dados do PIB – incluindo investimento imobiliário, vendas no varejo e produção industrial – mostrou que a demanda interna continua frágil e está retardando o impulso geral.

Região de compras em Xangai, China
Região de compras em Xangai, China (Imagem: REUTERS/Aly Song)

“Acho que (o PIB forte) se deveu principalmente ao impulso de janeiro a fevereiro, enquanto os dados de março decepcionaram bastante”, disse Woei Chen Ho, economista da UOB.

As ações das incorporadoras perderam 0,4% e as do setor de turismo caíram 4,2%. As empresas de nova energia e de mídia perderam mais de 3% cada.

As ações de pequena e micro capitalização do CSI 2000 caíram 7,2%, elevando seu declínio semanal para mais de 10%, depois que o órgão regulador de valores mobiliários emitiu regras na sexta-feira para forçar as empresas não qualificadas a desistir de listagens.

. Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 1,94%, a 38.471 pontos.

. Em Hong Kong, o índice HANG SENG caiu 2,12%, a 16.248 pontos.

. Em Xangai, o índice SSEC perdeu 1,65%, a 3.007 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, retrocedeu 1,07%, a 3.511 pontos.

. Em Seul, o índice Kospi teve desvalorização de 2,28%, a 2.609 pontos.

. Em Taiwan, o índice Taiex registrou baixa de 2,68%, a 19.901 pontos.

. Em Cingapura, o índice Straits Times desvalorizou-se 1,22%, a 3.144 pontos.

. Em Sydney o índice S&P/ASX 200 recuou 1,81%, a 7.612 pontos.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.