Home Mercados Ações de China fecham 2023 com pior desempenho registrado

Ações de China fecham 2023 com pior desempenho registrado

Nesta sexta-feira, o índice subiu 0,5% e teve alta de 2,8% na semana

por Reuters
3 min leitura

 As ações chinesas e de Hong Kong encerraram 2023 como os mercados acionários de pior desempenho do mundo, com perdas superiores a 10%, embora tenham registrado sua melhor semana em cinco meses.

O índice CSI 300 de blue chip da China registrou um terceiro ano consecutivo sem precedentes de quedas em meio à vacilante recuperação pós-pandemia do país e a tensões geopolíticas.

Nesta sexta-feira, o índice subiu 0,5% e teve alta de 2,8% na semana. O Índice Hang Seng de Hong Kong encerrou a sessão estável, mas registrou um ganho semanal de 4,3%.

No entanto, os índices estão na rabeira das classificações de desempenho global de 2023, com o Hang Seng caindo 14% no ano, no quarto ano de quedas, e o CSI 300 caindo 11%.

Em contraste, o índice mundial de ações MSCI deve encerrar 2023 com alta de cerca de 20%, com ganhos estelares registrados em mercados como Estados Unidos, Japão, Índia e México.

A China “decepcionou os investidores que esperavam uma forte recuperação” após a Covid-19, disse William Witherell, economista-chefe global da Cumberland Advisors, em uma nota.

“A economia foi atingida por problemas generalizados e persistentes de dívidas imobiliárias e de governos locais, cuja limpeza continua.”

As ações do setor imobiliário lideraram as quedas em 2023, com as incorporadoras chinesas caindo 39%. O varejo, a nova energia e o turismo também estiveram entre os maiores perdedores.

Evidenciando a confiança abalada, a compra líquida de estrangeiros por meio do Stock Connect este ano totalizou cerca de 44 bilhões de iuanes (6,20 bilhões de dólares) — a menor desde 2015.

Mas alguns enxergam grandes oportunidades nas ações prejudicadas. O gerente de fundos de hedge de Xangai, Li Bei, disse em um post na sexta-feira que os investidores que estão subponderados na China podem ser forçados a adicionar posições em 2024, já que o mercado provavelmente chegou ao fundo do poço.

Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 0,22%, a 33.464 pontos.

Em Hong kong, o índice HANG SENG subiu 0,02%, a 17.047 pontos.

Em Xangai, o índice SSEC ganhou 0,68%, a 2.974 pontos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,49%, a 3.431 pontos.

Em Seul, o índice KOSPI teve valorização de 1,60%, a 2.655 pontos.

Em Taiwan, o índice TAIEX registrou alta de 0,11%, a 17.930 pontos.

Em Cingapura, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,80%, a 3.240 pontos.

Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 recuou 0,31%, a 7.590 pontos.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.