Home Mercados Ações europeias fecham com recordes semana movimentada por dados e balanços

Ações europeias fecham com recordes semana movimentada por dados e balanços

O índice STOXX das 50 maiores empresas oscilou em torno de seu nível mais alto em 23 anos

por Reuters
0 comentário

As ações europeias encerraram uma semana repleta de dados de forma positiva, com balanços corporativos estelares e esperanças de cortes iminentes de juros pelo Banco Central Europeu aumentando o apetite dos investidores por ativos de risco.

O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,62%, a 491,59 pontos, atingindo um novo recorde em dois anos, liderado pelo setor de mineradoras, que saltaram 2,5% esta semana e atingiram o maior nível em duas semanas.

O índice STOXX das 50 maiores empresas oscilou em torno de seu nível mais alto em 23 anos, enquanto um índice das ações de primeira linha da zona do euro atingiu um recorde histórico, já que os investidores esperavam que o BCE começasse a cortar os juros em abril.

“No geral, continuamos a acreditar que o primeiro corte nos juros será em abril e não em junho, mas os dados e comentários recentes são consistentes com um ciclo de flexibilização mais gradual do que pensávamos”, disseram os economistas do Deutsche Bank em uma nota.

As ações alemãs e francesas ampliaram seus ganhos na sexta-feira, marcado recordes.

O índice Financial Times de Londres superou o desempenho de seus pares regionais durante o dia e atingiu um pico em mais de cinco semanas, depois que as vendas no varejo britânico foram mais fortes do que o esperado.

Para melhorar o humor de investidores, o membro do BCE e diretor do Banco da França, François Villeroy de Galhau, disse que há várias razões convincentes pelas quais o BCE não deve adiar por muito tempo um primeiro corte na taxa de juros este ano.

Enquanto isso, a formuladora de política monetária do BCE, Isabel Schnabel, disse que o crescimento lento da produtividade da Europa pode retardar a queda da inflação para a meta de 2% do BCE.

Em Londres, o índice Financial Times avançou 1,50%, a 7.711,71 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 0,42%, a 17.117,44 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 0,32%, a 7.768,18 pontos.

Em Milão, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,12%, a 31.732,39 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,41%, a 9.886,40 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 valorizou-se 1,19%, a 6.199,81 pontos.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.