Home Mercados Ações europeias se recuperam com dados e balanços em foco após liquidação da última semana

Ações europeias se recuperam com dados e balanços em foco após liquidação da última semana

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,60%, a 502,31 pontos

por Reuters
0 comentário

As ações europeias fecharam em alta nesta segunda-feira, com os papéis de blue-chips britânicas se aproximando de níveis recordes, enquanto investidores se confortavam com a diminuição das tensões no Oriente Médio e aguardavam os balanços dos bancos europeus e dos gigantes da tecnologia dos EUA nesta semana.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,60%, a 502,31 pontos, recuperando-se da liquidação da semana passada, desencadeada por preocupações geopolíticas e por temores de que o Federal Reserve adie os cortes na taxa de juros.

Os principais mercados regionais europeus, com exceção da Itália, subiram nesta segunda-feira, com o índice Financial Times, de Londres, em que commodities têm forte peso, atingindo níveis quase recordes, ajudado por uma libra mais fraca e pelo aumento dos preços dos metais.

APRENDA COMO MULTIPLICAR E PROTEGER SEU CAPITAL INVESTIDO POR MEIO DAS CRIPTOMOEDAS E ACELERE A SUA JORNADA RUMO À LIBERDADE FINANCEIRA

Operadores também desfizeram posições defensivas depois que o Irã disse que não tinha planos de retaliar após um aparente ataque de drones israelenses dentro de suas fronteiras.

“É um quadro um pouco confuso para os mercados no momento, com uma enorme incerteza em torno dos acontecimentos no Oriente Médio, o setor de tecnologia dos EUA passando por sua maior liquidação em cerca de 18 meses e com os rendimentos subindo à medida que os cortes nos juros são cada vez mais adiados”, disse Jim Reid, estrategista do Deutsche Bank.

Os relatórios de lucros dos credores europeus serão o centro das atenções nesta semana, já que investidores provavelmente terão uma ideia mais clara sobre se as taxas de juros mais altas ainda estão impulsionando os lucros ou se a recuperação dos preços das ações, que já dura um ano, perderá força.

O chefe do banco central francês, François Villeroy de Galhau, disse no domingo que é improvável que a tensão no Oriente Médio aumente os preços da energia e não deve afetar os planos do Banco Central Europeu de começar a cortar as taxas de juros em junho.

Em Londres, o índice Financial Times avançou 1,62%, a 8.023,87 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 0,70%, a 17.860,80 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 0,22%, a 8.040,36 pontos.

Em Milão, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,58%, a 33.724,82 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,50%, a 10.890,20 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 valorizou-se 3,50%, a 6.515,47 pontos.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.