Home Mercados Ações europeias sobem após dados de inflação dos EUA

Ações europeias sobem após dados de inflação dos EUA

Em Londres, o índice Financial Times avançou 0,83%, a 8.215,48 pontos

por Reuters
3 min leitura

As ações europeias avançaram nesta quarta-feira, com um salto de setores sensíveis aos juros, depois que uma leitura branda da inflação nos Estados Unidos aumentou as expectativas de que o Federal Reserve possa dar início ao ciclo de afrouxamento monetário em breve.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 1,08%, a 522,89 pontos, depois de cair nas últimas três sessões, marcando o maior salto percentual em um único dia desde janeiro.

O humor global permaneceu otimista após dados mostrarem que os preços ao consumidor dos EUA ficaram inesperadamente inalterados em maio, enquanto as pressões inflacionárias subjacentes diminuíram no mês passado.

Banner MBA BARSI

“Esperávamos que o número da inflação geral se comportaria bem desta vez… o que nos anima particularmente é a leitura do núcleo”, disse Frederique Carrier, chefe de estratégia de investimento da RBC Wealth Management.

“Estamos animados com a temporada de balanços nos EUA e sabemos que os juros estarão caindo.”

Operadores aumentaram as apostas de que o Fed cortará os custos de empréstimos em setembro após os dados.

O setor imobiliário, que é mais sensível aos juros, liderou os ganhos no STOXX 600 com um salto de 2,7%, enquanto o de tecnologia avançou 2,4%.

Veja os principais índices

Em Londres, o índice Financial Times avançou 0,83%, a 8.215,48 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 1,42%, a 18.630,86 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 0,97%, a 7.864,70 pontos.

Em Milão, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,43%, a 34.358,83 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,63%, a 11.245,40 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 valorizou-se 0,40%, a 6.661,42 pontos.

Banner MBA BARSI

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.