Home Empresas Alaska Airlines e United cancelam voos do Boeing 737 MAX 9 durante verificações do painel de cabine

Alaska Airlines e United cancelam voos do Boeing 737 MAX 9 durante verificações do painel de cabine

A Alaska Airlines disse que ainda precisa de instruções revisadas de inspeção e manutenção da Boeing

por Reuters
0 comentário
(Imagem: Reprodução/NTSB/Divulgação via REUTERS)

A Alasca Airlines disse nesta quarta-feira que cancelará todos os voos dos jatos Boeing (BABOEI34) 737 MAX 9 até o sábado, enquanto conduz inspeções após uma explosão em painel da cabine na última sexta-feira, que a Boeing sugeriu ter sido causado por um problema de qualidade.

A Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA, em inglês) suspendeu no sábado 171 jatos Boeing instalados com o mesmo painel após o pouso de emergência do avião da Alaska Airlines, incluindo os 65 MAX-9 da empresa, o que resultou no cancelamento de cerca de 20% de seus voos diários.

A United Airlines , outra operadora do 737 MAX 9 dos EUA com 79 aviões em sua frota, disse separadamente que cancelou 167 voos do MAX 9 nesta quarta-feira e espera cancelamentos “significativos” para a quinta-feira também.

A companhia aérea com sede em Chicago disse que é capaz de operar alguns voos planejados mudando para outros modelos de aeronaves.

A United disse que ainda aguarda a aprovação final para o processo completo de inspeção dos jatos mantidos em terra.

A Alaska Airlines disse que ainda precisa de instruções revisadas de inspeção e manutenção da Boeing, que devem ser aprovadas pela FAA, antes de poder começar a pilotar os aviões novamente.

“Só retornaremos essas aeronaves ao serviço quando todas as descobertas forem totalmente resolvidas e atenderem a todos os padrões rigorosos da FAA e da Alasca”, disse a Alaska Airlines.

O secretário de Transportes, Pete Buttigieg, preferiu não dizer nesta quarta-feira quando a FAA poderá permitir a retomada dos voos.

(Imagem: Reprodução/REUTERS/Lindsey Wasson)
(Imagem: Reprodução/REUTERS/Lindsey Wasson)

“A única consideração no cronograma é a segurança”, disse Buttigieg a jornalistas. “Até que esteja pronto, não está pronto. Ninguém pode ou deve ser apressado nesse processo.”

O CEO da Boeing, Dave Calhoun, disse à CNBC nesta quarta-feira que a explosão da cabine do MAX 9 que deixou um buraco no avião em uso há apenas oito semanas está relacionada a ufm escape de qualidade, mas acrescentou que há questões importantes.

“O que falhou em nosso desafio de inspeções? O que falhou no trabalho original que permitiu que esse escape ocorresse?”, disse Calhoun.

Ele disse que esse escape de qualidade é “uma descrição do que as pessoas encontram em suas inspeções… qualquer coisa que possa contribuir potencialmente para um acidente”.

Calhoun disse que conversou com Buttigieg e com o administrador da FAA, Mike Whitaker, para garantir que não haja repetição de qualquer explosão no painel da cabine de qualquer 737 MAX 9 após o incidente de sexta-feira.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.