Home Comprar ou Vender Âmbar Energia compra 81,2% de térmica Araucária da Copel por R$ 320,7 mi

Âmbar Energia compra 81,2% de térmica Araucária da Copel por R$ 320,7 mi

Inaugurada em 2002, a UTE Araucária é uma térmica a gás natural, com capacidade instalada de 484,15 megawatts (MW)

por Reuters
3 min leitura

A Âmbar Energia, do grupo J&F, assinou contrato para a compra da fatia da Copel (CPLE3) na Usina Termoelétrica de Araucária (UTE Araucária), no Paraná, de 81,2%, por 320,7 milhões de reais, informou a companhia em comunicado nesta quinta-feira.

A Petrobras, que detém os 18,8% restantes do ativo, poderá aderir à proposta da Âmbar até 26 de fevereiro de 2024, adicionou a companhia.

Inaugurada em 2002, a UTE Araucária é uma térmica a gás natural, com capacidade instalada de 484,15 megawatts (MW), operando em ciclo combinado com duas turbinas a gás e uma turbina a vapor.

“A incorporação da UTE Araucária fortalece nosso compromisso sólido com a segurança energética do país, contribuindo para assegurar um fornecimento estável e confiável de energia ao longo do processo de transição energética”, disse o presidente da Âmbar Energia, Marcelo Zanatta, em comunicado.

Com essa transação, a Âmbar, que atua na geração e comercialização de energia e no transporte de gás, passa a ter uma capacidade total de geração de 2,3 gigawatts (GW).

Em ativos de geração movidos a gás natural, a Âmbar já possuía a UTE Cuiabá, ligada por gasodutos próprios às bacias da Bolívia, e a UTE Uruguaiana, integrada às reservas de gás da Argentina.

Já a UTE Araucária está interligada por dutos às reservas de gás do Brasil e da Bolívia.

O fechamento da transação está sujeito a condições precedentes, como aprovações regulatórias.

Veja o documento abaixo:

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.