Análise Gráfica - Fibonacci e Ondas de Elliott - Parte 3A Análise Gráfica, também conhecida como análise técnica[bb], consiste no estudo dos preços e dos volumes negociados por uma dada ação. Todas as informações pertinentes para o estudo das ações estão representadas nos gráficos, na medida em que estes traduzem o comportamento de todos os agentes presentes no mercado, sejam os fundamentalistas, os insiders (que possuem informações privilegiadas), os grafistas e mesmo os amadores – que compram e vendem sem critérios fundamentados.

O artigo de hoje trata ainda sobre Fibonacci e Ondas de Elliott, com destaque para mais detalhes em torno de Fibonacci, satisfazendo algumas solicitações de nossos leitores.

A teoria de Fibonacci é utilizada no mercado de ações para acompanhar movimentos de correção e de impulsão. A partir da razão de ouro, chega-se a importantes valores percentuais para correção de 38,2%, 61,8% e seu valor central de 50%. Como também para expansão, os destacados 61,8%, 100% e 161,8%.

Abaixo ilustro tal teoria em alguns momentos em que o Ibovespa respeitou significativos suportes e resistência, baseados na teoria de Fibonacci. Vale ressaltar que, para traçar os níveis de Fibonacci, basta identificar o fundo e o topo principal.

Exemplo 1: Aplicação da retração: ponto de compra ao encontrar a linha vermelha, no candlestick “Spinning-top”, com seu rompimento do preço máximo na sessão seguinte:

Análise Gráfica - Sequência de Fibonacci e Ondas de Elliott - Parte 3

Exemplo 2: Aplicação da expansão: ao espelhar os níveis de Fibonacci da impulsão anterior, o objetivo destacado pela linha azul em 52.000 pontos (61,8%) foi atingido e atuou como resistência em várias tentativas de rompimento. Além do que, a constatação de seu posterior rompimento foi forte indicação de nova operação. Adicionalmente, a figura apresentada em tal momento foi a do triângulo ascendente:

Análise Gráfica - Sequência de Fibonacci e Ondas de Elliott - Parte 3

Em nosso próximo artigo seguiremos na apresentação da teoria da Análise Gráfica. Até lá.

Leandro Martins
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários