Home Empresas Anglo American rejeita proposta de US$ 42,7 bi da BHP

Anglo American rejeita proposta de US$ 42,7 bi da BHP

A proposta revisada exigia novamente que a Anglo vendesse suas ações em ativos de minério de ferro e platina na África do Sul

por Reuters
0 comentário

A Anglo American rejeitou nesta segunda-feira uma oferta de aquisição mais alta de 34 bilhões de libras (42,67 bilhões de dólares) feita pela BHP, dizendo que a maior mineradora listada do mundo “continua a subestimar significativamente” a empresa.

A Anglo já havia rejeitado a proposta inicial da BHP de 39 bilhões de dólares, feita em 25 de abril, considerando-a oportunista e dizendo que diluiria o valor positivo para seus acionistas em relação aos da BHP.

“A última proposta da BHP novamente não reconhece o valor inerente à Anglo American”, disse o presidente do conselho da Anglo, Stuart Chambers, nesta segunda-feira.

A nova oferta, feita em 7 de maio, foi 10% mais alta do que a primeira, ou um aumento de 15% na relação de troca da fusão para elevar a participação agregada dos acionistas da Anglo American no grupo combinado para 16,6%, de 14,8%.

“Estamos desapontados com a rejeição dessa segunda proposta”, disse o CEO da BHP, Mike Henry, em um comunicado.

“A BHP continua acreditando que uma combinação das duas empresas proporcionaria um valor significativo para todos os acionistas.”

A proposta revisada exigia novamente que a Anglo vendesse suas ações em ativos de minério de ferro e platina na África do Sul.

A Anglo é atraente para seus concorrentes por seus valiosos ativos de cobre no Chile e no Peru, com a expectativa de que a demanda aumente à medida que o mundo se volta para uma energia mais limpa e para o uso mais amplo da inteligência artificial.

Seu portfólio também inclui platina, minério de ferro, carvão siderúrgico, diamantes e um projeto de fertilizantes.

“Estimamos que, se a Anglo se desfizesse de seu portfólio de minério de ferro, diamantes, manganês e PGM, a entidade remanescente teria uma exposição de cerca de 70% ao cobre”, disseram os analistas da RBC Capital Markets em uma nota.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.