Home Comprar ou Vender Apetite pela Bolsa cresce em meio à queda do Ibovespa, aponta XP; FII é a classe preferida

Apetite pela Bolsa cresce em meio à queda do Ibovespa, aponta XP; FII é a classe preferida

Os indicam a estimativa de 140 mil pontos no Ibovespa até o final do ano, um aumento em relação à projeção de 130 mil pontos no mês anterior

por Gustavo Kahil
0 comentário

A XP Investimentos divulgou os resultados de sua pesquisa mais recente, realizada entre os dias 4 e 10 de janeiro, indicando um aumento significativo no apetite dos brasileiros pelo investimento em renda variável, chegando ao maior nível da pesquisa. Foram consultados 147 clientes de assessores de investimentos filiados à XP.

Os principais destaques do levantamento revelam uma melhora notável no sentimento em relação à Bolsa. Cerca de 65% dos entrevistados indicaram que seus clientes planejam aumentar a exposição à classe de Renda Variável, registrando o maior nível na história da pesquisa e um aumento de 7 pontos percentuais em relação ao mês anterior.

Apenas 3% relataram a intenção de diminuir a alocação em ações. O sentimento positivo também se reflete nas notas dadas pelos assessores, com 81% dando uma nota de 7 ou superior.

Intenção de alocação dos clientes dos assessores da XP

Fonte: XP Investimentos

A pesquisa aponta para uma perspectiva otimista, com os investidores demonstrando maior confiança e uma projeção média indicando a estimativa de 140 mil pontos no índice até o final do ano, um aumento em relação à projeção de 130 mil pontos no mês anterior.

O sentimento geral dos assessores também apresentou melhorias, com a média de nota subindo de 7,2 para 7,6, numa escala de 0 a 10. Os Fundos de Investimento Imobiliário (FIIs) permanecem como a classe de ativos preferida, mas o interesse por ações cresce nos últimos meses.

Em quais ativos os seus clientes estão interessados?

Fonte: XP Investimentos

Riscos

No que diz respeito aos riscos percebidos, o fiscal doméstico continua sendo a principal preocupação, seguido pelo risco de uma recessão nos EUA. O setor de Petróleo & Gás obteve destaque, registrando um aumento significativo no interesse dos investidores e tornando-se a preferência do momento.

Alocação

A alocação em ações também mostrou aumento, com dados de janeiro indicando que a faixa de clientes com 0-25% da carteira em renda variável sofreu um leve declínio, mas ainda mantendo uma tendência de queda observada nos últimos três meses.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.