Áreas de atuação com os maiores reajustes salariais em 2012Os fabricantes de equipamentos elétricos e eletrônicos tiveram o maior aumento salarial em 2012, com uma variação de 28,23%. Segundo a Pesquisa Salarial e de Benefícios, feita pela Catho, os destaques continuam nos ramos de Incorporadora e Imobiliária (28%), Fabricação de Equipamentos de Transporte (27,34%) e Refinaria de Petróleo e Correlatas (25,15%).

De acordo com o estudo publicado, o mercado de eletroeletrônicos tem levado a melhor nos últimos anos principalmente pelo aumento do poder de compra do trabalhador brasileiro, o que justifica sua posição entre os ramos com maior variação salarial. “O mercado imobiliário também está bastante aquecido o que provoca uma busca por profissionais qualificados”, argumenta Luís Testa, diretor de marketing da Catho.

Em compensação, as áreas com menor variação salarial foram Vigilância e Transporte de Valores (1,11%), Fabricação de Móveis e Artefatos de Madeira (3,64%), Instituições de Ensino Médio e Fundamental (8,83%), Advocacias/Escritórios de Advocacia (10,10%) e Indústria de Equipamentos de Entretenimento (11,07%).

A Catho divulga trimestralmente uma atualização da Pesquisa Salarial e de Benefícios. Esta é a 42ª edição, que contou com mais de 165 mil participantes em 3.350 cidades brasileiras.

Confira abaixo as áreas que tiveram os maiores e os menores aumentos salariais entre 2012 e 2013:

ÁreasAumento em %
Fabricação de Equipamentos Elétricos e Eletroeletrônicos28,23
Incorporadora e Imobiliária28
Fabricação de Equipamentos de Transporte27,34
Refinaria de Petróleo e Correlatas25,15
Saúde Hospitalar24,19
Organizações do Setor Público/Administração Direta24,17
Fabricação de Computadores e Periféricos24,15
Fabricação de Produtos de Borracha e Plásticos23,96
Fabricação de Papel e Similares22,44
Indústria Automotiva22,26
Mineração, Extrato e Óleo e Gás22,15
ONG, Associações e Sindicatos21,58
Construção21,50
Call Centers13,68
Indústria de Embalagens12,61
Supermercados/Hipermercados11,97
Indústria Metalúrgica de Metal Primário (Aço, Ferro e Alumínio)11,82
Fabricação de Impressão, Publicação e Indústrias Similares11,37
Indústria de Equipamentos de Entretenimento11,07
Advocacias/Escritórios de Advocacia10,10
Instituições de Ensino Médio e Fundamental8,83
Fabricação de Móveis e Artefatos de Madeira3,64
Vigilância e Transporte de Valores1,11

Por que esta notícia é importante?

Os reajustes salariais podem ser fortes indicadores da situação econômica dos setores em questão. Para fins de comparação, é possível relacionar o “aquecimento” de determinadas áreas com notícias ou acontecimentos positivos. Sobretudo, como as profissões do futuro, a relação dos maiores reajustes salariais podem auxiliar no processo que todo profissional passa ao escolher a carreira que quer seguir.

Queremos saber: como foi o reajuste salarial em sua área de atuação? Você viu o salário subir por aí?

Fonte: Catho. Foto de freedigitalphotos.net.

Willian Binder
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários