Home Empresas Aumenta procura por voos internacionais para o Brasil nas férias do meio do ano

Aumenta procura por voos internacionais para o Brasil nas férias do meio do ano

Os brasileiros, por sua vez, apontam uma maior inclinação para explorar o próprio país, com as partidas domésticas em julho de 2024

por Agência Gov
0 comentário

O Brasil não para de ser alvo de desejo dos turistas internacionais. Uma pesquisa recente divulgada pela ForwardKeys aponta um crescimento na oferta e na reserva de voos internacionais para o país nas férias do meio do ano.

Segundo os dados, de junho a agosto, a ampliação da capacidade de assentos internacionais é de 20% comparada ao mesmo período de 2023.

Juntamente com o foco nas viagens domésticas durante a folga da época, as perspectivas quanto à demanda estrangeira no Brasil continuam promissoras.

O período coincide com a temporada de verão no hemisfério norte, e os mercados mostram sinais positivos, particularmente nos Estados Unidos (+7%) e Canadá (+9%), na América do Norte, e Itália (+24%) e Espanha (+ 27%), entre os europeus.

Enquanto São Paulo registra um aumento equilibrado entre voos internacionais e domésticos, de 11% e 7%, respectivamente, outras cidades têm cenários ainda mais otimistas em relação a voos internacionais.

O Rio de Janeiro, por exemplo, registra uma alta de 36% na malha internacional e apresenta uma notável expansão da conectividade com destinos da Europa, como Reino Unido, Espanha, Alemanha e Itália, além da conectividade inter-regional.

Minas Gerais (+60%) demonstra um aumento substancial na capacidade de voos para os Estados Unidos, enquanto a Bahia (+57%) se beneficia do aumento das conexões com a Argentina. Já no Distrito Federal (+24%) há uma ampliação das viagens de mercados regionais.

VOOS DOMÉSTICOS

Os brasileiros, por sua vez, apontam uma maior inclinação para explorar o próprio país, com as partidas domésticas em julho de 2024 representando 60% de todos os voos no Brasil, contra os 56% verificados durante o mesmo mês de 2023.

Ainda conforme o estudo da ForwardKeys, os voos domésticos tiveram um aumento de 5% se comparado ao ano passado. Entre os destinos nacionais mais populares, as grandes cidades do país são destaque.

(Imagem: Reprodução/ThePixelman/Pixabay)
(Imagem: Reprodução/ThePixelman/Pixabay)

São Paulo apresentou um crescimento de +7 pontos percentuais, e o Rio de Janeiro, de +2 p.p. São Paulo, em particular, beneficia-se de uma melhor conectividade doméstica, facilitando o acesso de viajantes de diversas partes do país à cidade.

INCENTIVOS

Para atrair mais voos internacionais ao Brasil, o governo federal lançou o Programa de Aceleração do Turismo Internacional (PATI).

A iniciativa é fruto de uma parceria entre o Ministério do Turismo, o Ministério de Portos e Aeroportos e a Embratur, que atuam em dois eixos: a ampliação da oferta de assentos regulares em voos internacionais e a melhoria da experiência dos turistas em aeroportos brasileiros.

(Imagem: Reprodução/Freepik/@wirestock)
(Imagem: Reprodução/Freepik/@wirestock)

Dando início à primeira fase de atuação, foi publicado um edital de chamamento público, em caráter piloto, para incentivar companhias aéreas brasileiras e estrangeiras a implantarem novos voos regulares para destinos turísticos do Brasil.

As empresas selecionadas receberão incentivos financeiros no sentido de realizar ações de promoção de destinos turísticos brasileiros no mercado internacional, incentivando os estrangeiros a conhecerem o Brasil.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.