Home Empresas Avibras negocia investimento de australiana DefendTex

Avibras negocia investimento de australiana DefendTex

A companhia brasileira produz equipamentos como sistemas lançadores de mísseis e motores para foguetes

por Reuters
0 comentário
Avibras

A fabricante brasileira de equipamentos bélicos Avibras anunciou nesta terça-feira que está negociando um investimento da australiana DefendTex.

A Avibras, que não divulgou o valor a ser investido pela australiana, afirmou que os recursos servirão para sua “recuperação econômico-financeira… de forma a manter suas unidades fabris no Brasil, retomar as operações o mais breve possível e manter o fornecimento previsto nos contratos com o governo brasileiro e demais clientes”.

A companhia brasileira produz equipamentos como sistemas lançadores de mísseis e motores para foguetes. A empresa fez pedido de recuperação judicial em 2022 e o plano foi homologado em fevereiro deste ano.

O pedido de proteção contra credores veio após a empresa enfrentar o que chamou de “queda acentuada” nas compras globais na área de defesa nos últimos anos, “especialmente nos países do Oriente Médio e do Sudeste Asiático que historicamente compõem a base de clientes da companhia”.

A Avibras, que afirma ser uma das maiores empresas de “defesa” do Brasil, teve prejuízo líquido de cerca 226 milhões de reais em 2022, último balanço publicado pela empresa em seu site, crescimento de 68% sobre o resultado negativo sofrido em 2021.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.