Home Empresas BlackRock tem lucro acima do esperado, mas queda em entrada de recursos

BlackRock tem lucro acima do esperado, mas queda em entrada de recursos

A BlackRock encerrou o terceiro trimestre com 9,10 trilhões de dólares em ativos sob gestão (AUM), acima dos 7,96 trilhões do ano anterior

por Reuters
0 comentário
(Imagem: Reprodução/Facebook/BlackRock)

A BlackRock (BLK) superou com folga as estimativas de resultado do mercado para o terceiro trimestre, mas divulgou nesta sexta-feira queda acentuada na entrada líquida de recursos, fazendo com que as ações da maior gestora de ativos do mundo caíssem 1% nas negociações pré-mercado.

Um aumento na receita com taxas de consultoria de investimento e nos ativos sob gestão (AUM) da BlackRock ajudou o lucro ajustado da empresa, de 10,91 dólares por ação, a superar as estimativas dos analistas de 8,26, de acordo com dados da LSEG.

No entanto, a entrada líquida de capital no trimestre caiu de 16,9 bilhões de dólares no terceiro trimestre do ano passado para 2,57 bilhões. Isso é resultado de saída de 49 bilhões de dólares de estratégias de ações de índices institucionais com taxas de juros mais baixas, incluindo 19 bilhões de um único cliente internacional.

A BlackRock encerrou o terceiro trimestre com 9,10 trilhões de dólares em ativos sob gestão (AUM), acima dos 7,96 trilhões do ano anterior, mas abaixo dos 9,4 trilhões do segundo trimestre deste ano.

“Pela primeira vez em quase duas décadas, os clientes estão obtendo um retorno real em dinheiro e podem esperar por mais clareza da política monetária antes de voltarem a investir. Essa dinâmica pesou sobre o setor e sobre os fluxos da BlackRock no terceiro trimestre”, disse o presidente-executivo, Larry Fink, em um comunicado.

(Imagem: Reprodução/Facebook/BlackRock)
(Imagem: Reprodução/Facebook/BlackRock)

As esperanças de que o Federal Reserve possa terminar em breve seu aperto monetário ajudaram a acalmar as preocupações dos investidores sobre uma possível recessão, embora os indícios de que o banco central norte-americano manterá a taxa de juros mais alta por mais tempo tenham mantido a confiança sob controle.

“A tendência de longo prazo dos clientes de consolidar mais de seus portfólios com a BlackRock está apenas se acelerando, e o impulso dos negócios continua forte”, disse Fink.

A receita da BlackRock aumentou quase 5%, para 4,52 bilhões de dólares, em relação ao ano anterior, impulsionada pelo crescimento orgânico e pelo impacto dos movimentos do mercado nos últimos 12 meses sobre a média de AUM e maior receita de serviços de tecnologia, disse.

A principal fonte de receita da empresa sediada em Nova York são as taxas de administração que ela recebe como porcentagem do AUM total.

A BlackRock também tem tentado entrar no espaço das criptomoedas. Seu pedido de ETF de bitcoin spot está sendo analisado pela SEC e uma aprovação pode do órgão regulador aumentar o apelo da empresa entre os investidores de varejo.

Veja o documento abaixo:

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.