Home Finanças Pessoais Casamento em 2016: 10 dicas para casar em época de crise

Casamento em 2016: 10 dicas para casar em época de crise

por Daniella Gomes
3 min leitura

Se você vai ou pretende se casar em 2016 e está preocupado(a) com o orçamento apertado, uma lista de convidados maior do que é possível bancar e de quebra a insegurança financeira com essa crise, calma! Sabemos que o momento não é o ideal para se desfazer das economias a fim de realizar o sonho de contos de fadas e estamos aqui para ajudá-lo(a).

Se voc√™ j√° entendeu que n√£o d√° para incluir no pacote tudo que voc√™ gostaria de ter na celebra√ß√£o da sua uni√£o, √≥timo! Entender que esse √© o momento de tomar decis√Ķes conservadoras √© o primeiro passo para come√ßar a vida a dois sem d√≠vidas.

Confira abaixo algumas dicas para você planejar e realizar o seu casamento sem gastar muito:

1. Defina o orçamento

Antes de come√ßar a fazer listas √© preciso definir o valor que pretendem (e podem!) gastar. Considere tudo que esteja relacionado e que ser√° bancado pelo casal: cerim√īnia religiosa, festa, lua de mel etc.

O ideal é seguir o orçamento à risca e não levar dívidas relacionadas para depois do evento. No entanto, parcelar algumas coisas pode até ser uma boa opção, mas desde que seja um ótimo negócio e o prazo não seja muito longo para não comprometer as contas que vocês já têm.

2. O que você pode versus o que você deseja

√Č preciso limpar a mente das fantasias do “casamento dos sonhos” e p√īr os p√©s no ch√£o. Planejar com muita idealiza√ß√£o pode ser bem frustrante e at√© desanimador quando voc√™ perceber que n√£o ser√° poss√≠vel fazer tudo.

Então, seja realista e não espelhe o seu casamento no da fulana ou naquela ideia que tem na cabeça, mas sabe que custa mais do que vocês podem bancar.

3. Di√°logo antes de tudo

A vontade de fazer uma megafesta pode ser de um só, porém para começar a vida ao lado de alguém com o pé direito é preciso haver entendimento e conciliação. Desse jeito, é fundamental ficar claro para ambos o que vai ser feito, como e com quanto dinheiro.

O ponto cr√≠tico √© evitar surpresas, desentendimentos e aproveitar a oportunidade de exercer o di√°logo ‚Äď uma das coisas mais importantes no casamento.

Leitura recomendada: 3 Dicas para Manter a Vida Financeira e o Casamento em Dia

4. Liste o que deseja e o que pode

Atualmente h√° tanta novidade no mercado que √© preciso ter foco e saber o que quer. No item 2 discutimos a import√Ęncia de ter os p√©s no ch√£o, agora √© hora de transformar essa atitude em detalhes.

Para se organizar, fa√ßa duas listas: uma com o que deve ter e √© fundamental (vestido de noiva, fot√≥grafo, local da cerim√īnia, comida, bebida e etc.) e outra com o que voc√™ desejaria ter, ou seja, aqueles mimos e toques especiais que s√£o bacanas, por√©m n√£o s√£o imprescind√≠veis (lembrancinhas, presente para os padrinhos, chinelo e por a√≠ vai).

Como próximo passo, faça um levantamento do custo da lista do que deve ter e se houver uma folga passe a incluir os itens da segunda lista.

5. Faça do seu jeito e negocie tudo

Essa fase gera uma empolga√ß√£o na fam√≠lia e nos amigos, mas n√£o se deixe se levar por ideias que n√£o condizem com o que voc√™ quer s√≥ para agradar os parentes. O momento √© seu e n√£o sair√° de gra√ßa (nem t√£o barato). Saiba ponderar as sugest√Ķes e tire suas pr√≥prias conclus√Ķes.

Outra dica é pechinchar com os fornecedores. Sempre! Nunca aceite o primeiro orçamento e aproveite o momento de crise para chegar em um valor justo para os dois lados. Afinal, você não pode gastar muito e o fornecedor precisa manter o negócio rodando.

6. N√£o d√° para bancar? Seja criativo!

Ok, você fez as contas e chegou à conclusão de que não dá para fazer aquela festa com tudo que tem direito. Sem problemas! O mais importante você já tem, a pessoa do seu lado. Você pode diminuir a lista de convidados para caber na celebração que quer fazer ou mudar o estilo do casamento para poder convidar todos da lista.

7. Use a sua rede de relacionamento

Com certeza você deve ter pessoas ao seu redor com experiências que podem te ajudar a realizar o grande dia. Seja a tia que faz bolos deliciosos, um amigo fotógrafo de eventos, uma cunhada que faz artesanato, um primo que tem um carrão, alguém organizado que pode ajudar a tocar essa empreitada e etc.

Fazer uma festa aconchegante, com a participação direta das pessoas que são importantes para você, é mais do que especial. Por mais que não sejam profissionais, são pessoas que farão com dedicação e carinho sua parte da missão. O importante é passar as coordenadas, alinhar os detalhes e, se possível, ter alguém para te ajudar a organizar isso.

Leitura recomendada: Crise financeira no casamento: como lidar com as dificuldades e dar a volta por cima?

8. Lua de mel gr√°tis

Você não precisa passar a lua de mel naquela praia sem graça só porque foi o que conseguiram pagar. Uma sugestão é deixar para os convidados a opção de compra de cotas para a viagem dos seus sonhos.

√Č bem prov√°vel que os convidados fiquem mais empolgados em pagar uma cota para Fernando de Noronha, por exemplo, do que comprar um jogo de panelas antiaderentes, n√£o acha? Diversas ag√™ncias de viagens oferecem esse servi√ßo.

9. Evite supérfluos

S√£o pequenas coisas que, juntas, corroem o or√ßamento. Evite inventar muita coisa que s√≥ vai te deixar mais preocupada com tanto fornecedor para lidar. Por exemplo: n√£o gaste com lembrancinhas que n√£o sejam realmente √ļteis. Aquele item decorativo que voc√™ gastou ou perdeu tempo fazendo, vai ficar jogado em algum canto. Vale mesmo a pena?

Simplifique no buffet e ofereça pratos que agradem a maioria, sem inventar um jantar exótico porque está na moda ou porque é chique. No caso dos docinhos, prefira os que fazem mais sucesso em vez daqueles que são apenas bonitos (e caros).

10. Aproveite o grande dia

Muitos casais dizem que o grande dia passou num piscar de olhos e que n√£o conseguiram aproveitar tudo que eles pr√≥prios escolheram. Isso porque a celebra√ß√£o muitas vezes acaba virando um grande “checklist”, com um roteiro t√£o definido que os noivos passam a festa cumprindo tarefas.

√Č sess√£o de fotos em tudo que √© canto, cumprimentar 200 convidados, passar 20 minutos sentados vendo slides de fotos, jogar o buqu√™ da noiva, depois jogar o tal do sapo de pel√ļcia (sim, tem essa!). Hora de cortar o bolo (e mais um monte de fotos depois disso). Ufa! De repente, a festa acabou.

Não se obrigue a fazer coisas que você não quer ou não vê valor. Aproveite cada minuto desse momento como vocês querem e desejaram! Afinal, este será o primeiro dia de tantos que virão, e por isso precisa ser especial!

Espero que tenha gostado das dicas, que elas sejam √ļteis para voc√™ que est√° planejando o seu casamento. Se tiver alguma dica tamb√©m, deixe-a no espa√ßo de coment√°rios abaixo. Obrigada e at√© a pr√≥xima!

Dica de vídeo para assistir: Casamento e dinheiro: você pode ser feliz, livre e rico ao lado de sua família

Foto ‚ÄúJust married‚ÄĚ, Shuterstock.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.