Home Meio Ambiente Chuva forte volta a atingir o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira (10)

Chuva forte volta a atingir o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira (10)

Neste período, os volumes de chuva podem passar dos 100 milímetros (mm)

por Agência Gov
0 comentário

Nesta sexta-feira (10), o Rio Grande do Sul voltará a ser atingido por chuvas fortes. A previsão indica que, entre os dias 10, 11 e 12 de maio, a chuva com maior intensidade será entre o centro-norte e leste gaúcho, incluindo o litoral norte do estado e o sul de Santa Catarina.

Neste período, os volumes de chuva podem passar dos 100 milímetros (mm).

Ainda conforme a previsão, os ventos mudarão de direção e irão soprar predominantemente de sul. Entre o fim do domingo (12) e a segunda-feira (13), as rajadas variam de oeste a sul e depois de sul, com velocidade acima de 30 km/h. Já na terça-feira (14), os ventos enfraquecem.

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), essa condição acontece devido à instabilidade que retorna com mais força ao Rio Grande do Sul, no fim desta semana. Inicialmente, como frente quente, uma vez que a frente fria recua de Santa Catarina para o estado gaúcho.

Já no fim de semana, essa frente fria permanece no Rio Grande do Sul, causando áreas de instabilidade e um gradual ingresso de ar frio. A partir de segunda (13), quando o frio ganha força e poderá provocar geadas a partir da terça (14), o amplo reforço de ar frio e seco, de origem polar, deverá afastar a instabilidade.

É importante ressaltar que os volumes de chuva previstos podem causar novos transtornos em áreas já afetadas anteriormente. Por este motivo, o Inmet alerta e recomenda acompanhar e seguir as orientações da Defesa Civil Nacional.

Previsão para quinta-feira (9/5) nos dois estados

No fim da tarde desta quarta-feira (8), o norte do Rio Grande do Sul será atingido com temporais acompanhados de rajadas de vento.

Do centro para o sul do Estado, o tempo fica frio e seco com o ingresso do sistema de alta pressão atmosférica. Toda essa condição acontece devido ao deslocamento de um amplo sistema de baixa pressão atmosférica no norte da Argentina em direção ao sul do Uruguai e a formação de um ciclone extratropical que se desloca para o oceano e faz com que a frente fria cruze o estado ao longo do dia (figuras 1a e 1b) .

Figura 1: Precipitação (chuva), em milímetros (mm), acumulada em (a) 24h de quarta-feira (8) às 9h da quinta-feira (9), pelo modelo Cosmo 2,8 km e (b) 120h até 9h de 13 de maio pelo modelo Cosmo 7 km.

Já na quinta-feira (9), o Inmet prevê tempo frio e seco no sul do Rio Grande do Sul, com temperaturas mínimas variando de 4°C a 8°C nas áreas mais frias. Nas demais regiões do estado gaúcho, haverá maior nebulosidade e um pouco de frio na madrugada. A temperaturas mínimas podem variar de 10°C a 15°C na metade norte do Estado. Pela manhã, a capital, Porto Alegre, pode registrar 13°C.

Pela manhã, a chuva atinge áreas de Santa Catarina e pode chegar na divisa com o Rio Grande do Sul. No período da tarde e à noite já, há possibilidade de chuva isolada no norte do estado gaúcho (figuras 2a e 2b) .

Figura 2: Temperaturas mínimas (em °C ) previstas pelo modelo Cosmo-Inmet 7Km para quinta-feira (9) e sexta-feira (10).

O Inmet reforça a importância de acompanhar as atualizações da previsão do tempo e avisos meteorológicos especiais emitidos diariamente no site e nas redes sociais.

O INMET é um órgão do Ministério da Agricultura e Pecuária ( MAPA ) e representa o Brasil junto à Organização Meteorológica Mundial (OMM) desde 1950 .

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.