Home Economia e Política Cid disse em delação que Bolsonaro discutiu golpe com militares após derrota eleitoral, dizem UOL e Globo

Cid disse em delação que Bolsonaro discutiu golpe com militares após derrota eleitoral, dizem UOL e Globo

De acordo com as reportagens, Cid teria relatado que Bolsonaro levou a militares graduados a minuta de um decreto que convocaria novas eleições e incluiria a prisão de adversários do então presidente

por Reuters
0 comentário
(Imgem: REUTERS/Adriano Machado)

 O ex-ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro tenente-coronel Mauro Cid disse em delação premiada fechada com a Polícia Federal que Bolsonaro se reuniu com militares de alta patente após sua derrota na eleição presidencial do ano passado para discutir a possibilidade de um golpe de Estado no país, disseram o portal UOL e o jornal O Globo nesta quinta-feira.

De acordo com as reportagens, Cid teria relatado que Bolsonaro levou a militares graduados a minuta de um decreto que convocaria novas eleições e incluiria a prisão de adversários do então presidente.

No início deste mês, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), homologou o acordo de delação premiada firmado por Cid com a Polícia Federal e concedeu liberdade ao ex-ajudante de ordens de Bolsonaro.

Cid estava detido em uma unidade militar em Brasília desde maio após ter sido preso pela PF no âmbito de investigação sobre suspeita de falsificação no cartão de vacinação de Bolsonaro e de pessoas próximas a ele antes de o então presidente e sua comitiva viajarem para os Estados Unidos nos últimos dias de seu mandato.

Procurada, a Polícia Federal disse por meio de sua assessoria de imprensa que “não se manifesta sobre investigações em andamento”.

A defesa de Bolsonaro não respondeu de imediato a pedidos de comentário sobre as reportagens do UOL e do Globo. Tampouco o advogado Cezar Bittencourt, que representa Cid, respondeu a pedidos de comentários feitos pela Reuters.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.