Home Agronegócio Citi está comprado em açúcar no contrato outubro da ICE

Citi está comprado em açúcar no contrato outubro da ICE

Os futuros do açúcar foram pressionados por um início de temporada muito forte no centro-sul do Brasil

por Reuters
0 comentário

O Citi assumiu uma posição comprada no contrato de açúcar bruto outubro de 2024 na ICE, comprando na sexta-feira a um preço de 18,11 centavos de dólar por libra-peso, tendo uma meta superior de 20,75 centavos de dólar por libra-peso e um “stop loss” de 16,75 centavos de dólar por libra-peso, disse o banco em uma nota na sexta-feira.

A equipe de pesquisa de Commodities Globais do banco disse que acredita que o valor justo do contrato esteja mais próximo da faixa de 19-21 centavos de dólar nos próximos seis a doze meses.

A posição do açúcar bruto de outubro caiu 1,8% na quinta-feira, a 18,37 centavos de dólar por libra-peso, e caía para uma mínima de 18,11 centavos na sexta-feira.

Os futuros do açúcar foram pressionados por um início de temporada muito forte no centro-sul do Brasil, onde o clima seco e quente está permitindo que as usinas avancem com um ritmo rápido de colheita e processamento.

Açúcar
Açúcar (Imagem: Facebook/Williams Serviços Maritimos )

“Ainda vemos os balanços globais de açúcar em déficit nesta temporada, sem as exportações do sul da Ásia, com muito risco concentrado nos volumes de vendas do Brasil, no ciclo climático e na produção”, disse o banco na nota.

“O risco de interrupção do comércio de açúcar no Brasil por meio de condições climáticas adversas ou problemas de congestionamento portuário poderia rapidamente apertar os mercados de açúcar.”

O banco também disse que o governo da Índia deve dar prioridade ao programa de etanol em detrimento de qualquer eventual exportação de açúcar.

Algumas casas comerciais e analistas também veem riscos relacionados à dependência excessiva das exportações brasileiras, mas os grandes volumes iniciais de produção de açúcar do país levaram os especuladores a ficarem vendidos no mercado.

Dinheirama

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.