Começar a investir em ações é assim tão complicado?Eu sempre defendi que a informação é um bem muito valioso para o investidor que deseja tomar as melhores decisões. Acontece que estamos diante da Era da Informação, em que somos bombardeados por dados, fatos, notícias e ruídos constantes em relação ao que desejamos fazer, comprar ou negociar. O efeito disso tudo pode ser paralisante – normalmente é.

Tive o grande prazer de conhecer o investidor e amigo Osney Cola, um dos responsáveis pela Equipe Trader (veja no final do texto como conseguir descontos lá), um grupo de especialistas em mercado de ações voltado para o ensino, didático e muito completo, de técnicas, estratégias e demais detalhes do investimento em renda variável. Sugeri a ele que escolhesse alguns temas e falasse a você, caro leitor, sobre começar a investir em ações.

Como começar?
Para começar, que tal duas perguntas frequentes?

  • Qual é o valor mínimo para investir em ações?
  • O dinheiro que irei investir, só poderei contar com ele daqui alguns anos?

São duas ótimas questões que deveriam ser avaliadas antes de você começar a investir, seja na bolsa ou em qualquer outro mercado ou tipo de investimento. Antes de mais nada, devemos avaliar perfil do investidor, suas estratégias e alguns outros fatores.

Osney fala mais sobre isso no vídeo abaixo, assista:

O que esperar do investimento em ações?
Osney adiantou em nosso papo que já errou bastante e perdeu dinheiro realizando operações sem disciplina e estratégia (algo que nós sempre alertamos por aqui também, certo?), mas que hoje consegue manter um percentual bem interessante de ganhos com sua carteira e com o que ensina aos clientes.

Ele percebeu e garantiu que “a procura pelo investimento em renda variável aumenta a cada dia, pois com os cortes seguidos da taxa selic a renda fixa tem perdido espaço entre os investimentos de maior rentabilidade”.

Perguntado sobre os mais jovens e seus sonhos, Osney foi enfático e disse que “o grande sonho daqueles que apostam semanalmente na Loteria Federal, além da casa própria com um bom carro na garagem, é o investimento em Bolsa”. Essa resposta é dada com frequência, pois “o mercado de renda variável transmite uma imagem de muitos ganhos, dinheiro fácil e rápido”.

Ele faz questão de nos lembrar que não precisamos ser milionários para comprar ações das principais empresas de nosso país. “Não existe valor mínimo para investir”, diz Osney e completa: “Você precisa saber qual é a rentabilidade média que profissionais conseguem nesse mercado – isso é importante para que você não acredite que ficará rico da noite pro dia”.

Osney sugeriu um vídeo em que fala de sua rentabilidade média, mas também do quanto ele “ralou” para se especializar e conseguir ganhos assim. Assista:

Se quiser conhecer melhor o trabalho do Osney, use nosso código exclusivo de desconto WZKF-KDDB-III482 ao acessar e comprar no www.equipetrader.com.br – só com ele você terá 15% de desconto. Insira o código no campo de “Vale Presente”. Com mais esse contato muito legal sobre mercado de ações e investimentos, despeço feliz por tê-lo colocado diante de mais aprendizado e conhecimento. Vamos conversar mais e trazer outros vídeos em breve.

Dinheirama Online
Você sabia que desenvolvemos um software de gestão financeira online totalmente gratuito? Com o Dinheirama Online colocamos em prática todo nosso aprendizado referente ao que existe de mais atual em planejamento financeiro e finanças pessoais. Acesse www.dinheiramaonline.com.br, faça seu cadastro de maneira rápida e comece a trabalhar para que seu futuro financeiro seja cada dia melhor. É grátis.

Fico por aqui, obrigado e até a próxima. Ah, não se esqueça de me procurar também no Twitter: @Navarro. Abraço.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários