Home Finanças Pessoais Como fazer planejamento financeiro para casal

Como fazer planejamento financeiro para casal

Comece com uma conversa honesta o início do planejamento financeiro deve ser uma conversa aberta sobre as finanças individuais do casal

por Blog do Serasa
3 min leitura

Seja para realizar o sonho do casamento, da casa própria, seja para organizar as contas do cotidiano, o planejamento financeiro é um passo importante na vida do casal.

A importância do planejamento financeiro para casais

O planejamento financeiro é um processo que envolve unir as rendas, sonhos e objetivos dos parceiros. Também é um meio para alcançar metas em comum e ter mais controle sobre o dinheiro no dia a dia, seguindo as prioridades definidas em conjunto.

O planejamento financeiro é importante porque ajuda a organizar os seguintes pontos:

Alinhamento de objetivos: garante que o casal esteja em sintonia em relação ao que ambos querem alcançar com o dinheiro. Isso evita conflitos e frustrações no futuro.

Maior controle financeiro: quando todos sabem para onde o dinheiro está indo, a tomada de decisão mais consciente sobre os gastos é facilitada.

Segurança para o futuro: ajuda a construir uma reserva de emergência, preparar-se para a aposentadoria e realizar investimentos.

Redução de conflitos: o planejamento financeiro em conjunto reduz desentendimentos sobre dinheiro, uma das principais causas de conflitos entre casais.

Comunicação mais aberta: fortalece a confiança do casal com relação ao dinheiro.

Educação financeira: o processo de planejamento financeiro educa ambos sobre finanças pessoais.

Como iniciar o planejamento financeiro em conjunto

Fazer o planejamento financeiro pode parecer complicado, mas é simples.

Comece com uma conversa honesta o início do planejamento financeiro deve ser uma conversa aberta sobre as finanças individuais do casal, incluindo renda, dívidas, hábitos de consumo e objetivos de longo prazo.

Crie um orçamento registrem todos os ganhos e as despesas fixas e variáveis individuais e em conjunto. Isso ajuda a entender para onde o dinheiro está indo e identificar áreas em que se pode economizar.

Finanças para Casais
(Imagem: Blog do Serasa)

Defina metas Quais são os sonhos e objetivos que o casal tem em comum? Comprar uma casa, viajar, se aposentar, começar a investir? O importante é definir metas realistas e prazos para alcançá-las.

Estipule um valor mensal a ser poupado ao definir as metas, é possível identificar os recursos necessários para realizar cada sonho e determinar um valor mensal para ser guardado. Esse valor pode ser dividido entre o casal ou ser proporcional ao salário de cada um.

Crie um fundo de reserva o fundo de reserva (ou emergencial) é um montante para ser gasto exclusivamente no caso de um imprevisto ou uma emergência.

O recomendado é que seu valor dê para cobrir as despesas de três a seis meses.Para criá-lo, o casal deve guardar uma pequena parcela mensalmente, até alcançar as metas estabelecidas.

Divida responsabilidades o casal deve decidir como vai dividir as despesas e responsabilidades financeiras. A divisão pode ocorrer de acordo com a renda de cada um ou pelo tipo de despesa, por exemplo.

Automatize as finanças configurem pagamentos automáticos de contas para facilitar no controle das finanças e evitar contas atrasadas e a cobrança de juros.

Revise o plano regularmente é importante o casal revisar o plano financeiro periodicamente para garantir que ele ainda está alinhado com os objetivos e a realidade financeira de cada um.

Seja realista não tente economizar mais do que é possível e se privar de coisas importantes para o casal ou individualmente.

    Ferramentas e métodos para gestão financeira conjunta

    Gerenciar as finanças em conjunto exige organização, comunicação e ferramentas adequadas. Para auxiliar nessa missão, conte com ferramentas e métodos para facilitar e coordenar o orçamento do casal.

    Aplicativos de controle financeiro

    Aplicativo Serasa: além de ajudar a organizar a vida financeira, é possível verificar a pontuação do Serasa Score e negociar dívidas pelo Serasa Limpa Nome.

    Organizze: oferece controle de contas, cartões, investimentos e orçamentos. É possível acessar no celular e no computador, definir limite de gastos, criar relatórios com gráficos e importar dados da planilha financeira.

    Spendee: permite que o casal divida as contas de forma prática e justa. Permite dividir gastos por categorias, definir limites e acompanhar o histórico de transações.

    Planilhas

    No Google Sheets e no Excel é possível criar planilhas financeiras e fazer orçamentos detalhados, acompanhar receitas e despesas, definir metas e gerar gráficos para visualizar o desempenho financeiro do casal.

    Os dois programas disponibilizam modelos gratuitos de planilhas financeiras em seu menu de modelos.

    Educação financeira

    Ter conhecimentos sobre como lidar com o dinheiro ajuda a organizar as finanças, definir metas, saber melhores modos de economizar e a pesquisar por investimentos que ajudam o dinheiro a render.

    Para isso, conte com o Blog da Serasa para ter mais informações de como melhorar a vida financeira.

    Método 50-30-20

    O método 50-30-20 consiste em dividir 50% da renda do casal para gastos essenciais, 30% para gastos não essenciais e 20% para fundo de reserva ou poupança para realizar metas.

    É importante calcular e verificar se esse método é o ideal para ser aplicado à realidade financeira do casal e seus objetivos.

    Conta conjunta

    Abrir uma conta conjunta pode facilitar o pagamento de contas, a transferência de dinheiro e o controle das finanças conjuntas.

    O ideal é conhecer as vantagens e as desvantagens desse tipo de conta bancária antes de considerá-la para organizar as finanças em casal.

    Desafios comuns e como superá-los

    Embora o planejamento financeiro seja um ótimo caminho para o casal realizar sonhos e alcançar objetivos em conjunto, ele também pode trazer desafios. Listamos alguns deles e como vencê-los.

    Hábitos financeiros diferentes

    Cada pessoa possui uma história financeira única e isso pode gerar divergências em relação ao dinheiro, como lidar com gastos e prioridades.

    Neste cenário, o ideal é que o casal tenha um diálogo transparente sobre suas visões e expectativas financeiras.

    O objetivo é que cada um compreenda as motivações e medos do outro em relação ao dinheiro, buscando soluções que atendam às necessidades de ambos.

    Dificuldade em definir metas em comum

    Listem sonhos, desejos e objetivos de curto e longo prazo que desejam alcançar e realizar como um casal. Depois, priorizem as metas por relevância e por quanto tempo levam para se concretizar.

    Falta de disciplina e controle dos gastos

    Neste caso, é essencial que o casal crie regras claras sobre gastos e estabeleçam limites para compras individuais ou em conjunto. Também é importante não esquecer de anotar os gastos feitos por impulso.

    Dificuldade na comunicação sobre as finanças

    Marcar uma periodicidade regular para discutir o orçamento, acompanhar o progresso das metas e conversar sobre as questões financeiras é uma maneira de tentar contornar este problema.

    É importante que os dois sejam honestos sobre suas situações financeiras individuais, incluindo suas dívidas e investimentos.

    Imprevistos e mudanças de cenário

    Perda de emprego, doença, eventos inesperados, emergências ou mudanças no campo profissional podem afetar o planejamento financeiro do casal.

    Aqui entra a importância de se ter o fundo de reserva. A depender do imprevisto e do valor guardado para a ocasião, não será preciso alterar o planejamento financeiro.

    Independentemente de ter um fundo de reserva suficiente para ajudar na situação, ofereça apoio emocional e financeiro um ao outro durante os momentos de necessidade.

    Caso não tenham a reserva, ajuste o planejamento financeiro levando em conta a nova realidade e se dediquem a criá-la, se possível.

    Se o valor da reserva não é suficiente para lidar com a situação, reajuste o planejamento para enfrentar a dificuldade da melhor maneira possível. 

    O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

    © 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

    O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

    O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.