Home Carreira Concurso Público Nacional Unificado atinge marca de 1,5 milhão de inscritos

Concurso Público Nacional Unificado atinge marca de 1,5 milhão de inscritos

O processo de inscrição, que teve início em 19 de janeiro, permanecerá aberto até esta sexta-feira, 09 de fevereiro

por Rafael Borges
0 comentário

O Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), uma iniciativa inovadora do Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), está prestes a encerrar suas inscrições com um número recorde de participantes.

Até o momento, já são 1,5 milhão de pessoas inscritas para concorrer às vagas disponíveis em diversos órgãos públicos. O processo de inscrição, que teve início em 19 de janeiro, permanecerá aberto até esta sexta-feira, 09 de fevereiro.

Para participar do CPNU, os interessados devem acessar a página do GOV.BR e seguir as orientações indicadas, realizando o login e escolhendo as carreiras desejadas, que estão divididas em oito blocos temáticos.

A taxa de inscrição varia conforme o nível de escolaridade do cargo pretendido, sendo R$ 90 para cargos de nível superior e R$ 60 para cargos de nível médio.

Uma das principais características do CPNU é a possibilidade de inscrição para mais de um cargo, desde que pertencentes ao mesmo bloco temático, pagando apenas uma taxa de inscrição.

Além disso, os candidatos terão a oportunidade de classificar as vagas de interesse por ordem de preferência, o que influenciará na prioridade em uma possível chamada, com base na nota obtida na prova.

Com a realização do exame simultaneamente em 220 cidades do Brasil no dia 5 de maio, o CPNU visa promover a igualdade de oportunidades de acesso aos cargos públicos efetivos.

(Com informações da Agência Gov)

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da rede “O Melhor do Dinheirama” com as melhores análises e notícias

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.