Home Economia e Política Zona Franca de Manaus aprova investimentos de R$ 1,2 bi

Zona Franca de Manaus aprova investimentos de R$ 1,2 bi

Segundo a pasta, a expectativa é de que as iniciativas possam gerar 1.084 empregos

por Reuters
0 comentário

O Conselho de Administração da Suframa (CAS) aprovou nesta sexta-feira 33 projetos industriais e de serviços na Zona Franca de Manaus, com investimentos previstos de 1,2 bilhões de reais, informou o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços em nota nesta sexta-feira.

Segundo a pasta, a expectativa é de que as iniciativas possam gerar 1.084 empregos.

“São novos investimentos que vão gerar emprego, gerar renda, gerar desenvolvimento para o Estado e para o país… A gente fica muito feliz de ver o crescimento do polo industrial”, disse o ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, que participou da reunião do conselho, a primeira do ano.

Assessores e consultores de investimentos ganham R$ 15.000/mês; saiba como seguir carreira

Segundo a nota, foram aprovados empreendimentos de produção de motocicleta elétrica, bicicleta elétrica e televisor em cores com tela de cristal líquido, além de monitor de vídeo com tela de luminescência orgânica (Oled) para uso em informática e microcomputador portátil, entre outros.

Alckmin, que ocupa o cargo de presidente em exercício com a viagem ao exterior do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, aproveitou a ocasião para comentar a situação econômica do país.

O PIB subiu, a bolsa, o emprego subiu. O risco Brasil caiu, o dólar caiu, a inflação caiu. Então acho que o cenário é um cenário positivo”, avaliou.

“Isso não deve nos levar a nos acomodar. Pelo contrário, nós precisamos é de trabalhar mais ainda pra atrair investimento e melhorar a produtividade.”

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.