Home Empresas Conselho do GPA aprova oferta primária de ações até R$ 1 bi

Conselho do GPA aprova oferta primária de ações até R$ 1 bi

O GPA informou nesta segunda que seu conselho de administração aprovou a oferta primária de, inicialmente, 140 milhões de ações ordinárias

por Reuters
0 comentário

O GPA (PCAR3) informou nesta segunda-feira que seu conselho de administração aprovou a oferta primária de, inicialmente, 140 milhões de ações ordinárias, conforme fato relevante ao mercado.

Esse volume poderá ser acrescido em até 140 milhões de ações adicionais, de acordo com a varejista.

A companhia disse que, com base no preço de fechamento do papel nesta segunda-feira, de 3,60 reais, a oferta poderia levantar pouco mais de 500 milhões de reais, ou, considerando a colocação total de ações adicionais, o valor chegaria a pouco mais de 1 bilhão de reais.

Assessores e consultores de investimentos ganham R$ 15.000/mês; saiba como seguir carreira

O GPA disse que pretende utilizar os recursos da operação para reduzir sua alavancagem financeira, por meio do pré-pagamento de contratos financeiros mantidos com instituições financeiras cujas dívidas representam mais de 20% do valor total da oferta.

Os coordenadores da oferta serão Banco Itaú (ITUB4), BTG Pactual (BPAC11), Bradesco BBI, JPMorgan, Santander (SANB11).

O público-alvo da oferta consistirá exclusivamente em investidores profissionais, segundo o GPA.

O período de subscrição prioritária iniciará em 5 de março e encerrará em 11 de março, segundo cronograma da varejista. A precificação está prevista para 13 de março e o início da negociação em 15 de março.

Veja o documento abaixo:

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.