Home Esportes Daniel Alves deixa prisão após pagar fiança de € 1 milhão

Daniel Alves deixa prisão após pagar fiança de € 1 milhão

Na quarta-feira, um tribunal decidiu que Alves poderia ser solto da prisão condicionalmente sob fiança enquanto recorre de sua condenação

por Reuters
0 comentário

O ex-jogador da seleção brasileira Daniel Alves foi libertado de uma prisão de Barcelona nesta segunda-feira, de acordo com uma testemunha da Reuters, após pagar fiança de 1 milhão de euros por sua condenação pelo estupro de uma mulher no banheiro de uma boate em 2022.

Na quarta-feira, um tribunal local decidiu que Alves poderia ser solto condicionalmente sob fiança enquanto recorre de sua condenação por estupro. Ele já cumpriu cerca de um quarto de sua sentença de quatro anos e meio de prisão.

Acompanhado de sua advogada, Alves deixou a prisão Brians 2, a noroeste de Barcelona, às 12h25 (no horário de Brasília), vestindo uma jaqueta cinza sobre uma gola alta branca, disse um cinegrafista da Reuters.

Ele não se dirigiu aos repórteres na entrada da prisão antes de entrar em um veículo branco.

O caso de Alves tem atraído uma atenção significativa não apenas devido à sua fama, mas porque a violência de gênero tem se tornado um tópico cada vez mais dominante no debate público da Espanha.

A advogada de Alves entregou seus passaportes brasileiro e espanhol para cumprir as condições de sua libertação. Ele não pode sair da Espanha e deve comparecer ao tribunal toda sexta-feira ou sempre que for convocado.

O tribunal também impôs uma ordem de restrição que o impede de se aproximar a menos de 1.000 metros da vítima.

O ex-lateral de Barcelona, Juventus e PSG estava detido na prisão Brians 2 desde janeiro de 2023. Ele foi condenado em 22 de fevereiro por estuprar uma mulher no banheiro de uma boate de Barcelona e condenado a pagar 150.000 euros. Ele apelou contra a condenação, que não é definitiva.

Os funcionários da prisão de Brians 2 aproveitaram o grande interesse da imprensa para protestar do lado de fora da cadeia contra o que eles descreveram como condições de segurança insuficientes e pediram que as autoridades regionais renunciassem.

Os agentes penitenciários da Catalunha vêm protestando desde a semana passada, depois que uma funcionária de cozinha de outra prisão foi esfaqueada até a morte por um detento.

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.