Tão importante quanto conhecer um determinado tipo de investimento, é conhecer a si mesmo. Assim podemos adequar o investimento ao perfil pessoal.

Do que se trata esse perfil? Por uma série de fatores, como a personalidade e o estilo de educação que uma pessoa recebeu de seus pais ou cuidadores, as pessoas respondem de forma diferente quando o assunto é a multiplicação do seu dinheiro.

Enquanto alguns gostam de investir em imóveis, outros preferem montar uma empresa. Enquanto alguns preferem comprar títulos públicos, outros preferem ser sócios de empresas através de suas ações na bolsa de valores.

Palavras como rentabilidade, liquidez, risco e tempo estão sempre presentes nas decisões de investimentos.

Primeiro conheça você mesmo, depois invista

Porém, muitas pessoas sequer sabem qual é o seu perfil para os investimentos. Sem conhecer a si próprias, terminam por colocar seu dinheiro em aplicações financeiras ou negócios que foram indicados por terceiros.

Os resultados não costumam ser bons, pois se assustam com rentabilidades negativas, taxas e incidência de impostos não esperados, dinheiro retido por um prazo maior do que o esperado, e assim por diante.

O melhor a fazer é primeiro entender a forma como você reage a certos tipos de investimento, para então colocar seu dinheiro no lugar certo.

Você já sabe qual é o seu perfil para os investimentos? Se ainda tem dúvidas, clique aqui para fazer um teste e descobrir. É gratuito, e ao fim, você ainda receberá um relatório personalizado com dicas de investimento adequadas ao seu perfil.

Quiz! Faça esse teste e descubra seu perfil de investidor

Gostou do teste? Compartilhe com seus familiares e amigos para que eles também possam investir da forma correta. Abraços e até a próxima!

Nota: Esta coluna é mantida pela Empiricus, que contribui para que os leitores do Dinheirama possam ter acesso a conteúdo gratuito de qualidade.

Empiricus Research
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.