Seguindo sugestões de nossos leitores, faremos todo domingo de noite uma seleção, com resumo, dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior. A ideia é oferecer a você um panorama das preferências de mais leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

Como Organizar as Finanças na Ressaca de Ano Novo?

Chegou a hora da ressaca de Ano Novo! Ressaca moral, porque sabemos que diante do exagero coletivo, também aproveitamos; ressaca familiar, porque passar tanto tempo com tanta gente próxima é um enorme desafio nestes tempos modernos; e ressaca financeira, afinal de contas tudo nesta época custa (caro!) e a fatura chega sempre em janeiro.

Depois de festejar, comer além da conta, viajar um pouco e curtir a família, é hora de “cair na realidade” novamente. Como fazer para pagar as contas que vencem no começo do Ano Novo e também as despesas realizadas na passagem de ano e que virão no cartão de crédito e no uso do cheque especial? Tentarei ajudá-lo com algumas sugestões práticas neste texto.

Clique aqui para ler o artigo completo.

5 Dicas para Manter Seu Dinheiro Blindado em 2015

Começar o ano ouvindo o recém-empossado ministro da Fazenda, Joaquim Levy, falando em “possíveis ajustes” nos impostos causa arrepios, confesso. Não tem jeito, nossa já elevada carga tributária vai ganhar mais fôlego com a volta de algumas tarifas e o reajuste de outras. A inflação também seguirá elevada. A conta fica, é claro, para mim, para você, para todos os cidadãos brasileiros.

Os reflexos da economia estagnada e do alto nível de endividamento das famílias se dão de forma mais acentuada nas contas pessoais, na diminuição da confiança e consumo e, principalmente, na sensação de perda de poder de compra. Ainda que o nível de renda tenha subido (pouco), a percepção é o que de fato move as pessoas, e ela não anda muito boa já faz tempo.

Clique aqui para ler o artigo completo.

3 Dicas para Manter a Vida Financeira e o Casamento em Dia

Como está seu casamento? A pergunta direta serve como um convite para evitar uma armadilha comum no começo do ano: deixar passar despercebido o fato de que a situação financeira pode comprometer o desenvolvimento da vida da família e a harmonia no lar.

Ricardo Pereira não sugere, é claro, que apenas uma boa gestão financeira seja suficiente para manter o casamento, mas a experiência ao longo dos anos tem mostrado o quanto ela é importante e frequentemente deixada de lado. Mude esse quadro!

Clique aqui para ler o artigo completo.

Seu Orçamento: Como Aproveitar as Liquidações de Janeiro

Janeiro é um mês um tanto quanto contraditório e inconveniente, concorda? Tem IPVA, IPTU, material escolar e ainda por cima aquela fatura assustadora do cartão de crédito que vai te lembrar, durante um bom tempo, que o Natal realmente existe e custa caro.

Do outro lado da moeda, temos uma enxurrada de promoções e liquidações Brasil afora que podem ser extremamente vantajosas e onerosas ao mesmo tempo. Tudo depende da maneira como você se preparou para esta época do ano.

Clique aqui para ler o texto completo.

Crianças e Educação Financeira: suas Atitudes serão seu Legado!

Crianças, adolescentes e jovens aprendem muito pela observação, mas principalmente pela admiração. Basta notar como as celebridades causam furor entre os mais novos para entender que é preciso mais do que a educação formal para criar cidadãos conscientes de seu papel.

Esta não é uma área simples de discutir, pois nela habitam diversos tabus. Ainda assim, arrisco-me a dizer que é fundamental que existam modelos saudáveis a serem seguidos e, principalmente, que estas figuras de inspiração sejam acessíveis, humildes e engajadas com a evolução e formação dos jovens com eles envolvidos.

Clique aqui para ler o texto completo.

Acompanhe os novos artigos durante a semana e domingo que vem voltamos com os artigos mais compartilhados e visitados. Obrigado pela confiança. Até mais.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários