Seguindo sugestões de nossos leitores, faremos todo domingo de noite uma seleção, com resumo, dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior. A ideia é oferecer a você um panorama das preferências de mais leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

Quer ficar rico? Pare de cometer sempre os mesmos erros!

Ao contrário do que possa parecer, as pessoas bem-sucedidas não são mesquinhas, gostam de compartilhar suas experiências e contar a quem se interessa como fizeram fortuna. A maioria dessas pessoas alcançou o sucesso financeiro como consequência de um bom planejamento, dedicando tempo e muito esforço ao trabalho, mas sempre respeitando seu padrão de vida.

Infelizmente, muita gente não vive de acordo com as reais possibilidades e acaba gastando muito mais do que ganha; mesmo com a conta no vermelho, estas pessoas continuam se endividando em vez de cortar os excessos e realizar os ajustes necessários.

Clique aqui para ler o artigo completo.

Os 10 mandamentos da prosperidade

Empobrecer ou enriquecer? A maior parte dos brasileiros, infelizmente, não teve uma boa educação financeira. Como decorrência, acaba pensando pobre, agindo pobre, e, apesar de trabalhar muito, tudo o que consegue é empobrecer mais a cada dia.

Dá um duro danado só para pagar as contas, e raramente consegue prosperar. Ninguém merece essa vida, muito menos quem trabalha: você merece prosperidade, isso sim! E prosperidade da melhor espécie: a prosperidade duradoura! Em meu novo livro “Os 10 Mandamentos da Prosperidade”, eu aponto um caminho para conquistá-la.

Clique para conhecer os 10 mandamentos da prosperidade.

Firme no propósito: 5 passos para alcançar objetivos de médio e longo prazo

Se você acha que os sonhos de médio e longo e prazo são iguais ao pote de ouro no fim do arco-íris, que todo mundo diz que existe, mas ninguém nunca viu, chegou a hora de saber que no mundo real existe, sim, um pote recheado de ouro esperando por você, mas para alcançá-lo é preciso muito mais que perseguir faixas coloridas no céu!

É, prezado leitor do Dinheirama, o papo de hoje envolve imaginação, sonhos, metas e a capacidade de se manter firme nos propósitos, sem é claro deixar de lado o planejamento necessário para conquistar cada um dos objetivos. Complexo? Até que não. Leia o texto para entender.

Clique aqui para ler o artigo completo.

Festas infantis: diversão de verdade para as crianças ou ostentação dos pais?

Se você tem filhos, certamente já se deparou com a decisão de fazer ou não uma festa infantil cara, utilizando serviços de buffet e decoração cujos orçamentos podem chegar a valores realmente impressionantes.

O mercado está aí, “bombando” com tentações, e tornando um aniversário o grande evento do ano. Mas, tudo tem um custo. Seu bolso está preparado para isso?

Clique aqui para ler o artigo completo.

O dinheiro não dura o mês inteiro? Confira 4 passos para sair do sufoco!

Tenho certeza que sair do sufoco financeiro é algo possível para todos. Lembre-se que ganhar bem não garante uma vida livre de dívidas, conforme mostrei com o exemplo de meu amigo. Muito do sucesso financeiro depende de gastar com inteligência e apostar em bons controles para melhorarmos nossas decisões de consumo e investimento.

Decidir mudar uma situação delicada e passar por um processo de transformação é sempre um exercício que requer força de vontade e dedicação. Em diversos momentos, novas dúvidas, dificuldades e tentações surgirão, isso é fato! Aceitar abrir mão do imediatismo por um objetivo maior é um preço a ser pago por quem deseja alcançar o sucesso. Vale a pena!

Clique aqui para conferir 4 passos para sair do sufoco.

Acompanhe os novos artigos durante a semana e domingo que vem voltamos com os artigos mais compartilhados e visitados. Obrigado pela confiança. Até mais.

Conrado Navarro
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários