Olá amigo leitor, estamos de volta com nosso Top5!

Se você ainda não conhece, começamos o Top5 por sugestão de nossos leitores, viu como estamos aqui para te ouvir?  Assim, todo domingo publicaremos uma seleção com o resumo dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior.

A ideia é lhe oferecer um panorama das preferências de mais leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

5 coisas que eu gostaria de saber sobre dinheiro aos 18 anos

A vida é uma grande escola. Embora esta frase seja muito “manjada”, nada é mais verdadeiro em se tratando de aprendizado. Acontece que, infelizmente, muitas coisas que sabemos hoje não são tão claras na juventude, período importante quando, por falta de experiência, acabamos cometendo erros que nos acompanham por um longo tempo.

Conversando com um amigo de longa data, abordei essa questão: como estaríamos hoje se, no início de nossas carreiras, tivéssemos algum conhecimento mais profundo e prático sobre como lidar com o dinheiro?

Clique aqui para continuar a ler este texto

Atenção ao planejamento financeiro depois dos 40 anos

É consenso entre os orientadores financeiros que quanto mais jovem começamos a adotar a pratica do planejamento financeiro, mais fácil fica a tarefa de reunir elementos que favorecem o crescimento financeiro pessoal, a formação de patrimônio e a conquista de uma aposentadoria mais tranquila.

Por isso, adotar o planejamento financeiro desde cedo facilita muito a vida das pessoas. Um grande trunfo a favor é o próprio tempo, afinal quanto antes, melhor para lidar com as expectativas e também aproveitar a oportunidade de investir em ativos mais arriscados e também com rentabilidades atraentes no longo prazo.

Clique aqui para continuar a ler este texto

Juros do cheque especial atingem marca inédita de 300% ao ano

Os juros médios cobrados no cheque especial atingiram, em março, o maior patamar desde julho de 1994, início da série histórica: 300% ao ano. Em fevereiro, a taxa era de 293,9%. Junto com o cartão de crédito rotativo, os juros do cheque especial estão entre os mais altos do mercado.

A taxa do rotativo do cartão de crédito – crédito tomado pelo consumidor quando paga menos que o valor integral da fatura – também subiu em março e atingiu a marca de 449,1% ao ano. Em fevereiro, a taxa era 443,9%. Vale lembrar que especialistas alertam que esses empréstimos só devem ser utilizados em casos de emergência e por um curto prazo.

Clique aqui para continuar a ler este texto

5 passos para validar uma ideia de negócios

Quando você inicia sua empresa ou está pensando em começar seu próprio negócio, geralmente o que vem à cabeça são metas otimistas e muita vontade de trabalhar. Isso é ótimo, mas também é importante lembrar que suas ideias precisam ser validadas.

Ao começar um projeto, é muito comum agir somente por paixão e impulso. Defendo que estar comprometido é essencial, básico, mas é preciso olhar para sua ideia (seus produtos, serviços e a estratégia) de um ponto de vista mais amplo e prático. Certo, mas como fazer isso?

Clique aqui para continuar a ler este texto

Bons ou maus hábitos começam em casa: assuma a responsabilidade!

Hoje ouvi no rádio algo que está em pauta há muito tempo e que, de tão absurda, a discussão passa ser hilária. O que ocorre é que existe uma forte corrente de pessoas que acreditam que a responsável pelo aumento do consumo de bebidas alcoólicas entre os menores de idade é a propaganda.

Em resumo, estamos assumindo publicamente que somos boçais e não temos capacidade de discernir o certo do errado, o bom do ruim. É isso? Somos bobocas incapacitados e ponto? Não é hilário assumirmos que somos obtusos de modo que não conseguimos decidir o que é melhor para nós mesmos?

Clique aqui para contiuar a ler este texto

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários