Olá amigo leitor, tudo bem? Chegou mais um Top5 Dinheirama. Como você já sabe, no início de cada semana publicaremos uma seleção com o resumo dos cinco artigos mais lidos, comentados e compartilhados da semana anterior. A ideia é lhe oferecer um panorama das preferências de mais leitores do Dinheirama e reunir os artigos de forma a oferecer um começo de semana mais proveitoso.

Os artigos mais lidos na semana passada foram:

Manual de sobrevivência diante da crise econômica brasileira

Quem acompanha um pouco do nosso trabalho no Dinheirama sabe o quanto levamos a sério a educação financeira, não apenas como um tema importante, mas como um estilo de vida.

A educação financeira me mostrou, através de diversos autores (muitos inclusive se tornaram amigos próximos), que é possível alcançar todos os sonhos, mesmo aqueles mais significativos, mas para que tudo aconteça é necessário um mínimo de planejamento, organização e saber esperar o momento certo…

Clique aqui para ler o texto completo

3 crenças que afastam você dos seus sonhos (e como vencê-las)

Salve amigo, pronto para mais um passo importante rumo aos seus sonhos? Um não, três! Então vamos nessa, afinal evoluir nunca é demais.

Por que aquele sonho que você cultiva há tantos anos parece nunca chegar? Pior que isso, parece cada vez mais distante? Bem, acredite ou não, são suas atitudes que afastam você do seu sonho.

Vejo comportamentos recorrentes em pessoas diferentes que corroboram com essa tese de que a auto-sabotagem é a maior responsável pelos insucessos individuais e até coletivo. Pequenos gatilhos mentais, para os quais pouca gente dá importância, são a peça chave para deixar de ser um sonhador frustrado e passar para o time dos realizadores satisfeitos. Quer ver?

Clique aqui para ler o texto completo

5 dicas para vencer o medo de empreender

A simples menção ao empreender costuma dar calafrios em muitas pessoas. Algumas delas já pensam que vão perder todo o dinheiro conquistado, outras que o negócio simplesmente não vai dar certo e alguns ainda defendem que a crise não permite realizar esse tipo de investimento.

Enfim, são muitas as razões que podem alimentar o medo de empreender. Assim, para ajudar a quebrar essa barreira e aliviar a tensão de possíveis empreendedores, ofereço no texto de hoje cinco dicas de como começar do jeito certo. Confira:

Clique aqui para ler o texto completo

Quer um aumento de salário? Pare de reclamar e faça você mesmo

Assunto complicado este de aumento de salário. Embora hoje eu não esteja mais trabalhando como empregado CLT, mas sim como PJ (pessoa jurídica, com minha própria empresa), entendo razoavelmente bem esse assunto de forma prática, pois foram 18 anos trabalhando como Engenheiro no setor de Telecomunicações.

A choradeira é sempre a mesma:

  • “A empresa não reconhece o meu trabalho”;
  • “Fulano acabou de ser contratado e com um salário maior que o meu”;
  • “Eu vi lá no RH uma lista de salários e o eu meu está entre os menores. Sou um trouxa mesmo”;
  • “Quero que a empresa se dane. Só trabalho mais se ganhar aumento”.

Dá pra engordar bem essa lista de frases, mas você já sabe como fazer isso – talvez você mesmo tenha aí na sua mente uma lista bem maior. E não vai ficar bravo comigo, pois costumo reconhecer meus erros e já fui um “reclamão” em muitas ocasiões…

Clique aqui para ler o texto completo

Investir em Startups é um bom negócio?

Muitos empresários, executivos e investidores de mercado se questionam sobre qual é o risco de investir em Startups, se vale mesmo à pena fazer isso e se o retorno pode ser melhor que o investimento padrão, como Tesouro Direto, por exemplo.

Além disso, investidores tradicionais mais experientes e céticos falam que daqui dois anos muitos podem perder o que investiram porque essas startups podem desaparecer…

Clique aqui para ler o texto completo

Redação Dinheirama
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários