Home Empresas Dirigível brasileiro é aprovado pela Anac para voos noturnos; veja imagens

Dirigível brasileiro é aprovado pela Anac para voos noturnos; veja imagens

A primeira operação noturna do dirigível brasileiro pôde ser vista por mais de 1,6 milhões de pessoas que acompanharam o show da cantora Madonna, no último sábado , 4 de maio

por Agência Gov
0 comentário

Uma nova atração já pode ser vista nos céus do Brasil. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou , em abril deste ano, a modificação de projeto que permite ao dirigível ADB-3-3, da fabricante brasileira Airship do Brasil, realizar voos noturnos.

A primeira operação noturna do dirigível brasileiro pôde ser vista por mais de 1,6 milhões de pessoas que acompanharam o show da cantora Madonna, no último sábado , 4 de maio, em Copacabana (RJ).

O dirigível ADB-3-3 já estava em operação no país desde 2022, quando recebeu o Certificado de Tipo emitido pela Anac, podendo realizar apenas voos diurnos.

Com a nova aprovação , a Agência validou aspectos técnicos relacionados aos instrumentos, instalações elétricas e iluminação d o dirigível, atentando para a segurança da aeronave na realização de voos noturnos.

Dirigível Brasileiro

Derivado de um projeto norte-americano (modelo 138S), o dirigível foi adquirido pela Airship do Brasil e transferido para a empresa em 2018. A aeronave opera com um motor e um envelope de 3.908 m3 (138 000 cu.ft) e possui capacidade para 6 assentos. 

A aeronave já foi utilizada para ações de publicidade em diversas cidades do país incluindo Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.