Viver de Renda
Viver de Renda
Home Economia e Política Economia Brasileira: Resultados ruins e o que esperar para o final de 2014

Economia Brasileira: Resultados ruins e o que esperar para o final de 2014

por Parceiro de Conteúdo
0 comentário
Economia Brasileira: Resultados ruins e o que esperar para o final de 2014

Faltam poucos dias para definição do primeiro turno das eleições e despeito da forte volatilidade, o mercado financeiro espera mesmo a definição do que irá acontecer. A espera tem sido cada vez mais tensa, causando grandes variações nos preços dos ativos quando as pesquisas de intenção de voto são divulgadas.

Nesse meio tempo, a economia real não para. Os últimos dados divulgados referentes ao desempenho da economia brasileira continuam preocupantes: em relação ao PIB, o Banco Central (BC) divulgou uma nova estimativa com o crescimento ainda menor, a aposta é de que em 2014 o crescimento seja de apenas 0,7%.

Já a meta de superávit fiscal só poderá ser alcançada se o governo se valer das mágicas contábeis e financeiras de costume, quando o que se espera de fato é o enxugamento das despesas de custeio da máquina pública. Até agora, estamos com cerca de 10% da meta atingida e faltam apenas três meses para o fim de 2014. Difícil.

Para traduzir os números e tirá-los do “economês”, recorremos mais uma vez ao Alvaro Bandeira, Economista-Chefe e Sócio da Órama. A pedido da editoria de economia do Dinheirama, Alvaro preparou um vídeo especial com um apanhado geral sobre os principais números e indicadores da economia brasileira.

A análise franca e direta do Alvaro não deixa dúvidas quanto aos grandes desafios que teremos pela frente, independentemente de quem vença as eleições. Acompanhe o vídeo:

https://www.youtube.com/watch?v=zQiiO1ejQ5M

Conheça mais sobre as possibilidades de investir com a Órama

Durante muito tempo no Brasil, os pequenos investidores não tinham acesso aos principais fundos de investimento. Os aportes iniciais exigidos eram altos e só quem tinha muito dinheiro reunia condições de investir.

Com a chegada da Órama, esta realidade mudou, pois com apenas R$ 1 mil qualquer pessoa tem acesso a fundos exclusivos, administrados por gestores independentes e extremamente qualificados.

Tomamos a liberdade de relacionar alguns links com os tipos de investimentos mais procurados na Órama, caso deseje conhecer um pouco mais sobre o assunto:

Nota: Esta coluna é mantida pela Órama, que contribui para que os leitores do Dinheirama possam ter acesso a conteúdo gratuito de qualidade.

Obrigado e até a próxima.

Foto “Stock market disaster”, Shutterstock.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Faça parte da rede “O Melhor do Dinheirama” com as melhores análises e notícias

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.