Home Empresas Eletrobras tem lucro 19% menor no 1ºtri, reduz R$ 1,1 bi estoque do compulsório

Eletrobras tem lucro 19% menor no 1ºtri, reduz R$ 1,1 bi estoque do compulsório

Segundo a empresa, o desempenho do Ebitda foi afetado por queda de receita com geração e aumento dos custos operacionais

por Reuters
0 comentário

A Eletrobras (ELET3) obteve um lucro líquido de 331 milhões de reais no primeiro trimestre, queda de 19% na comparação anual, segundo balanço divulgado pela companhia na madrugada desta quinta-feira.

Entre janeiro e março, o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado da companhia somou 4,5 bilhões de reais, também 19% inferior ao registrado um ano antes.

Segundo a empresa, um dos efeitos que impactaram seu Ebitda foi a queda de receita com geração, que pode ser explicada pelo não reconhecimento de uma receita de 432 milhões de reais relativa à Amazonas Energia, distribuidora que era da Eletrobras e foi privatizada em 2018.

A receita no trimestre também foi afetada em 149 milhões de reais pela venda da usina térmica de Candiota, apontou a empresa.

A Eletrobras ressaltou que no critério regulatório, que exclui o efeito da Amazonas Energia, o Ebitda ajustado do primeiro trimestre aponta alta de 5%, a 5,4 bilhões de reais.

Outro impacto negativo do período foi o aumento dos custos operacionais, relacionados à energia comprada para revenda, encargos sobre uso de rede elétrica, construção e outros.

Esses efeitos negativos foram parcialmente compensados por aumento de receita de transmissão, uma das principais linhas de negócio da Eletrobras, e redução de gastos com pessoal, material, serviços e outros (PMSO), como reflexo de economias geradas pelas saídas de programas de demissão voluntária (PDVs).

O banco calcula a ação da Eletrobras negociada a uma taxa de retorno interna de 14,4%
(Imagem: Reprodução/ Youtube/ Eletrobras)

A companhia destacou ainda avanço de seus esforços na gestão de passivos, com redução de 1,137 bilhão de reais do estoque total da provisão do empréstimo compulsório frente ao fim de 2023, atingindo agora 16 bilhões de reais.

Segundo a empresa, acordos negociados para redução do passivo resultaram em deságios de 441 milhões de reais, com impacto positivo sobre o resultado.

Porém, no trimestre, houve constituição líquida de provisão, “em decorrência de decisões desfavoráveis em processos específicos”, no valor de 85 milhões de reais.

“A Eletrobras está atuando judicialmente para reversão dessas decisões desfavoráveis”, afirmou, em relatório.

Na área de comercialização de energia, a Eletrobras observou um avanço de sua carteira de clientes no mercado livre, a 449, ante os 253 no primeiro trimestre de 2023. Já em consumidores finais, a empresa passou para 336, de 69.

A companhia ressaltou ainda um aumento de 7% em seus investimentos, para 1,2 bilhão de reais no primeiro trimestre, com destaque para os aportes no parque eólico gaúcho Coxilha Negra, que já iniciou operação em teste.

Veja o documento abaixo:

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.