Home Empresas Empresa de baterias da Panasonic tem resultado abaixo do esperado

Empresa de baterias da Panasonic tem resultado abaixo do esperado

A Panasonic Energy enfrenta a concorrência acirrada de outros fabricantes asiáticos de baterias, como a chinesa CATL

por Reuters
0 comentário

A empresa de energia da Panasonic Holdings divulgou nesta quinta-feira resultado abaixo do esperado para o ano fiscal passado, pressionada por menor produção de baterias para veículos elétricos no Japão e queda nas vendas de produtos de consumo.

O lucro operacional para o principal segmento da empresa, que fabrica baterias para a Tesla (TSLATSLA34) e outras montadoras, totalizou 88,8 bilhões de ienes (570,18 milhões de dólares) no ano que terminou em março, ficando abaixo da própria previsão da empresa, de 113 bilhões de ienes.

Embora o mercado norte-americano de veículos elétricos esteja crescendo, seu ritmo de expansão diminuiu devido à saturação da demanda dos primeiros usuários, disse a Panasonic.

Automóveis 6
O balanço mensal registrou ainda que as vendas de veículos novos tiveram elevação de 8,8 % no primeiro semestre, com 998,6 mil unidades emplacadas contra as 918,0 mil do mesmo período do ano anterior (Imagem: Unsplash/ Obi – @pixel7propix)

A expectativa é que o lucro operacional aumente 23% no ano fiscal atual, para 109 bilhões de ienes, disse a empresa, acrescentando que espera que a demanda cresça à medida que mais modelos de carros em faixas de preço mais acessíveis se tornem disponíveis.

A Panasonic Energy enfrenta a concorrência acirrada de outros fabricantes asiáticos de baterias, como a chinesa CATL, e a sul-coreana LG Energy Solution.

Os fabricantes chineses de baterias cresceram mais rápido do que os rivais e responderam por mais de dois terços da capacidade global de baterias para veículos elétricos no ano passado, de acordo com dados da consultoria Counterpoint Research.

A Panasonic prevê alta de 5% no lucro operacional do grupo este ano fiscal, para 380 bilhões de ienes. O lucro operacional da empresa caiu 25%, para 40,7 bilhões de ienes no quarto trimestre.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.