Talvez você sempre reclame da falta de oportunidades, do fato de você não conseguir atingir seus objetivos, mesmo fazendo por merecer. Sabe do que estou falando? Já se sentiu assim? Você se esforça, corre atrás, se prepara e o resultado não aparece?

Vou compartilhar uma experiência que tive nesse final de semana. Eu participo de corridas de rua, fazendo provas de meia-maratona e algumas mais curtas – em Outubro pretendo debutar nas maratonas.

Eu treino de três a cinco vezes por semana, faço fortalecimento muscular e tento manter uma rotina saudável de alimentação. Comecei com esse vício há menos de um ano e confesso que estou realmente aproveitando – é sempre bom ter alguma prática esportiva, afinal são inúmeros os benefícios físicos e mentais.

No domingo, dia 7 de julho, aconteceu a Meia Maratona do Rio de Janeiro, uma prova que eu sempre quis fazer. Meus amigos falavam bem do percurso, lembravam do visual fantástico, mas eu não tinha feito inscrição e os comentários só serviam para aumentar minha vontade (e minha frustração).

Eu não poderia participar da prova, pois estava enrolado com algumas matérias da faculdade (e não sabia se ia passar ou não). Resolvi desistir de correr para lidar com a realidade da faculdade e procurar focar mais nos treinos, pois falta pouco para a estreia na maratona.

Então, quinta-Feira passada (4 de Julho), eu estava olhando algumas imagens na Internet e me deparei com uma mensagem muito interessante:

rio-post

Como eu sabia que não ia correr e precisava focar nos estudos, a decisão natural seria simplesmente parar com os treinos por um tempo – eu já tinha feito inscrição pra uma outra meia maratona no final do mês de julho. A do Rio ficaria no sonho, na vontade…

A sexta-feira chegou e o telefone tocou. Era alguém me perguntando se eu não tinha interesse em fazer a Meia do Rio. Ah, horas antes eu fiquei sabendo que tinha sido aprovado na matéria e estava livre do problema na faculdade. Como assim, a Meia do Rio? Meu coração disparou e resolvi aceitar o convite pra correr a Meia do Rio.

Eu não sou muito de acreditar em sinais e essas coisas, mas fiquei pensando: depois que tudo aconteceu, a imagem que encontrei dias antes do convite fez muito sentido para mim. Foi uma coisa boba, mas pensando no que aconteceu ela realmente tem razão de ser e deve ser encarada com sabedoria.

Foi tudo muito rápido e não tive muito tempo de pensar. Aceitei o convite, tive que sair e viajar às pressas ao Rio, mas o resultado valeu a pena. Eu vinha treinando forte e consegui baixar em 15 minutos o meu tempo nos 21km, mesmo tendo cãibra no final.

O que esse texto tem a ver com finanças pessoais e educação financeira? Ora, a lição que fica é que você tem que estar sempre preparado para aproveitar certas oportunidades e isso significa respeitar seus limites, manter-se sempre engajado e pronto para tomar algumas decisões.

medalha

O resultado, no meu exemplo, você vê acima e na alegria por compartilhar este acontecimento com você. Com o dinheiro, o resultado pode ser aproveitar oportunidades de investimento e usufruir de tranquilidade mesmo quando as coisas vão mal para a maioria (a reserva de emergência significa estar preparado).

Seja correndo ou cuidando da grana, treinar é sempre uma decisão inteligente. Nunca se sabe quando o telefone irá tocar… Até mais.

Foto: Arquivo pessoal

Igor Oliveira
Aviso: Os textos assinados e publicados no Dinheirama.com não representam necessariamente a opinião editorial do Blog. Asseguramos a qualquer pessoa, empresa ou associação que se sentir atacada o direito de utilizar o mesmo espaço para sua defesa. Também ressaltamos que toda e qualquer informação ou análise contida neste blog não se constitui em solicitação ou oferta de seu autores para compra ou venda de quaisquer títulos ou ativos financeiros, para realização de operações nos mercados de valores mobiliários, ou para a aplicação em quaisquer outros instrumentos e produtos financeiros. Através das informações, dos materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog, os autores não estão prestando recomendações quanto à sua rentabilidade, liquidez, adequação ou risco. As informações, os materiais técnicos e demais conteúdos existentes neste blog têm propósito exclusivamente informativo, não consistindo em recomendações financeiras, legais, fiscais, contábeis ou de qualquer outra natureza.

Comentários