Home Empresas Exportação de níquel e cobre da Appian Capital Brazil cresce 7% no 1º quadrimestre

Exportação de níquel e cobre da Appian Capital Brazil cresce 7% no 1º quadrimestre

Estamos otimistas com os resultados que apresentaremos neste ano, mesmo com os desafios atuais do mercado de níquel

por Reuters
0 comentário

O fundo de private equity britânico Appian Capital Brazil exportou 72 mil toneladas de concentrado de cobre e níquel sulfetado no primeiro quadrimestre do ano, alta de 7% ante o mesmo período do ano passado, informou à Reuters nesta segunda-feira.

Com cinco anos de atuação no mercado brasileiro, o fundo de origem britânica é responsável pela gestão de dois ativos no país: Atlantic Nickel, produtora de concentrado de níquel sulfetado, e Mineração Vale Verde, produtora de concentrado de cobre.

“Estamos otimistas com os resultados que apresentaremos neste ano, mesmo com os desafios atuais do mercado de níquel”, disse em nota o CFO da Appian Capital Brazil, Milson Mundim.

“Os ativos estão operando com capacidade de produção máxima, sempre de forma segura e integrada ao meio ambiente e às comunidades do entorno.”

Os volumes nos primeiros quatro meses do ano foram enviados para Canadá, Finlândia e China, informou o fundo.

(Imagem: Reprodução/Freepik/@pvproduções)
(Imagem: Reprodução/Freepik/@pvproduções)

Em 2023, a Appian Capital Brazil exportou mais de 200 mil toneladas de cobre e níquel sulfetado enviados para América do Norte, Europa e Ásia.

Para este ano, a expectativa da Appian Capital Brazil é aumentar as exportações com a produção dos ativos em sua capacidade máxima.

A Atlantic Nickel exportou 39.347 toneladas de concentrado de níquel sulfetado no primeiro quadrimestre do ano, enquanto a Mineração Vale Verde embarcou 32.808 toneladas.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Assine a newsletter “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.