Home Agronegócio Fixação de preço de açúcar do Brasil supera 70% da safra 24/25, estima Archer

Fixação de preço de açúcar do Brasil supera 70% da safra 24/25, estima Archer

O índice de fixação está adiantado na comparação com o mesmo período do ano anterior para a safra 2023/24, quando usinas tinham fixado 64%

por Reuters
0 comentário

O percentual de fixação de preços de açúcar da safra 2024/25 pelas usinas brasileiras atingiu 72% do total previsto para exportação na temporada, afirmou nesta terça-feira a Archer Consulting, com base em dados até final de janeiro.

O índice de fixação está adiantado na comparação com o mesmo período do ano anterior para a safra 2023/24, quando usinas tinham fixado 64%.

Segundo a Archer, os registros até o dia 31 de janeiro indicam que as usinas concluíram a fixação de preços para “uma quantidade significativa”, ultrapassando 18,7 milhões de toneladas de açúcar destinadas à exportação.

A projeção da Archer estima um volume total de exportação de 26 milhões de toneladas de açúcar para a safra 2024/25.

O preço médio estabelecido nas fixações situou-se em 22,20 centavos de dólar por libra-peso, ou 2.516 reais por tonelada (FOB Santos, incluindo o prêmio de polarização), marcando uma redução de cerca de 50 reais por tonelada em comparação com a estimativa anterior.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.