Home Esportes Fórmula 1: Massa quer apoio de Hamilton em caso de 2008

Fórmula 1: Massa quer apoio de Hamilton em caso de 2008

Massa liderava a corrida da Fórmula 1 em Cingapura quando Piquet bateu deliberadamente contra o muro na volta 14 da corrida de 61 voltas

por Reuters
3 min leitura

A equipe jurídica que assessora Felipe Massa em sua batalha para ser declarado campeão mundial de Fórmula 1 de 2008 espera que Lewis Hamilton apoie o caso em nome da integridade esportiva, disse um dos advogados do piloto brasileiro.

Bernardo Viana tamb√©m afirmou √† Reuters que os advogados concordaram em dar √† F√≥rmula 1 e √† FIA at√© meados de outubro para responder √† carta enviada a eles em 15 de agosto –uma carta antes da a√ß√£o √© um aviso legal formal obrigat√≥rio antes que o processo judicial possa ser iniciado.

A equipe jurídica havia inicialmente estabelecido o prazo final até esta sexta-feira.

“No momento a bola est√° com FOM e FIA, n√≥s estamos aguardando a resposta deles, mas j√° temos uma estrat√©gia jur√≠dica em andamento”, disse Viana, s√≥cio do escrit√≥rio Vieira Rezende Advogados, se referindo √† Formula One Management (FOM), que administra a categoria, e √† Federa√ß√£o Internacional de Automobilismo (FIA), √≥rg√£o regulador.

“Eles pediram mais prazo, at√© meados de outubro, e a gente aceitou de boa-f√©.”

Conspiração na F1

O ex-piloto da Ferrari Massa, agora com 42 anos, deu in√≠cio √† a√ß√£o legal por conta de uma suposta “conspira√ß√£o” que, segundo ele, lhe negou o t√≠tulo mundial em 2008, e prometeu “lutar at√© o final” para ser nomeado campe√£o mundial.

Na ocasi√£o, o heptacampe√£o mundial Hamilton conquistou o seu primeiro t√≠tulo por um √ļnico ponto de vantagem, em uma temporada que se tornou not√≥ria depois de Nelsinho Piquet, ent√£o piloto da Renault, ter revelado em 2009 que foi orientado por chefes da equipe para se bater de prop√≥sito no GP de Cingapura.

Massa, que deixou a Fórmula 1 em 2017, liderava a prova em Cingapura quando seu compatriota Piquet bateu deliberadamente contra o muro na volta 14 da corrida de 61 voltas.

O acidente ocasionou um safety car que acabou beneficiando o companheiro de equipe de Piquet, Fernando Alonso, que venceu a prova. Massa, por sua vez, não conseguiu pontuar após um pit stop malsucedido.

Massa agora afirma que a corrida deveria ter sido anulada porque os manda-chuvas do esporte sabiam antes do final daquela temporada o que havia acontecido, mas encobriram o fato.

Lewis Hamilton 5
O brit√Ęnico, que agora compete¬†pela Mercedes, disse recentemente n√£o estar focado em algo que aconteceu h√° 15 anos (Imagem: Reprodu√ß√£o/ Facebook/ Lewis Hamilton)

Seus advogados gostariam que Hamilton, que corria pela McLaren na √©poca, apoiasse as reivindica√ß√Ķes.

“Ele √© um embaixador importante do esporte, sempre defendeu a integridade esportiva, √© um cidad√£o honor√°rio brasileiro, muito bem quisto pelos brasileiros e eu, pessoalmente, espero que ele nos apoie”, disse Viana.

“N√£o temos absolutamente nada contra o Hamilton.”

O brit√Ęnico, que agora compete¬†pela Mercedes, disse recentemente n√£o estar focado em algo que aconteceu h√° 15 anos.

Bernie Ecclestone

Massa procurou assessoria jurídica depois que o ex-chefe da F1 Bernie Ecclestone disse a um site alemão em março que ele e o ex-presidente da FIA Max Mosley souberam ainda em 2008 que Piquet havia batido deliberadamente.

Mosley, que tinha rela√ß√£o estreita com Ecclestone, morreu em 2021, enquanto outra figura importante –o ent√£o diretor de provas da FIA, Charlie Whiting– morreu em 2019.

Apesar disso, Viana disse que a equipe jurídica de Massa está confiante de que tem um caso forte e evidências suficientes para dar o campeonato ao brasileiro.

Eles est√£o prontos para lidar com o tema pelo tempo que for necess√°rio, disse Viana, acrescentando que o caso envolve n√£o apenas o Reino Unido, mas “muitas jurisdi√ß√Ķes”.

O time formado por Massa conta tamb√©m com o advogado esportivo Nick de Marco, que disse em comunicado por escrito √† Reuters que o caso “levanta uma s√©rie de quest√Ķes jur√≠dicas muito importantes e interessantes, bem como quest√Ķes fundamentais de integridade esportiva”.

“Tenho certeza de que ser√° de grande interesse n√£o apenas para todos os f√£s do automobilismo, mas para qualquer pessoa interessada na justi√ßa das competi√ß√Ķes esportivas”, acrescentou.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.