Home Empresas Fungetur: linha de financiamento que apoia o turismo brasileiro

Fungetur: linha de financiamento que apoia o turismo brasileiro

Em novembro de 2025, a capital paraense, Belém, será palco da 30ª Conferência do Clima sobre Mudanças Climáticas, a COP 30

por Agência Gov
3 min leitura

No dia Internacional das micro, pequenas e m√©dias empresas, criado pela Organiza√ß√£o das Na√ß√Ķes Unidas (ONU) e comemorado em 27 de junho, o Minist√©rio do Turismo (MTur) apresenta uma ferramenta que auxilia empreendedores a conseguirem financiamento para seus neg√≥cios relacionados ao turismo.

Trata-se do Novo Fundo Geral de Turismo (Fungetur), voltado preferencialmente a micro, pequenas e médias empresas e operado por 24 agentes financeiros credenciados em todo o País.

O Fungetur √© um instrumento de financiamento vinculado ao MTur com or√ßamento espec√≠fico, dispondo de patrim√īnio pr√≥prio e autonomia financeira e or√ßament√°ria, tendo por finalidade o fomento e a provis√£o de recursos para o financiamento de empreendimentos tur√≠sticos, considerados de interesse ao desenvolvimento do turismo nacional, bem como o suporte financeiro no desenvolvimento de pol√≠ticas p√ļblicas de fomento √† atividade tur√≠stica.

O Novo Fungetur permite acessar at√© R$ 15 milh√Ķes por linha de financiamento, tendo juros de at√© 5% mais INPC ao ano e at√© 5 anos de car√™ncia. No m√™s de junho de 2024 a taxa de juros foi de 8.34% .

A relação de beneficiários inclui meios de hospedagem, agências de turismo, transportadoras turísticas, organizadoras de eventos, parques temáticos, acampamentos turísticos, restaurantes, cafeterias, bares e similares, bem como todos os empresários registrados no Cadastur.

A linha de cr√©dito estrutura-se em pol√≠tica de financiamento cujas opera√ß√Ķes s√£o realizadas por interm√©dio de agentes financeiros credenciados, mediante celebra√ß√£o de contrato administrativo com o Minist√©rio do Turismo para ofertarem linhas de cr√©dito para os empres√°rios do setor tur√≠stico nacional.

As linhas do fundo abrangem financiamentos para obras de infraestrutura, bens e serviços e capital de giro.

Para acessar o Fundo, basta procurar uma das institui√ß√Ķes financeiras habilitadas, √†s quais cabe analisar os pedidos e liberar os recursos.

Desde que assumiu o cargo, o ministro Celso Sabino tem percorrido o país e estimulado a utilização do Fungetur pelo setor turístico.

A iniciativa integra o ‚ÄúMTur Itinerante‚ÄĚ, que promove a descentraliza√ß√£o dos trabalhos do √≥rg√£o e proporciona a exposi√ß√£o de a√ß√Ķes e programas do Minist√©rio em estados e munic√≠pios.

Cadastur

Outra regra obrigatória para ter acesso ao fundo é estar cadastrado junto ao Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) do MTur. O Cadastur é o cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam no setor turístico e é obrigatório para Meios de Hospedagem, Agências de Turismo, Transportadoras Turísticas, Organizadoras de Eventos, Parques Temáticos, Acampamentos Turísticos e Guias de Turismo-MEI (Microempreendedor Individual).

Outras atividades podem ser cadastradas em car√°ter opcional. Para mais informa√ß√Ķes, acesse o site do¬†cadastur.turismo.gov.br¬†.

O cadastro permite ao prestador atuar legalmente, de acordo com a Lei do Turismo, por meio da emissão do Certificado Cadastur, assim como oferece benefícios aos cadastrados.

A iniciativa, além de dar visibilidade às empresas regularizadas, é uma importante fonte de consulta para o turista.

COP 30

Em novembro de 2025, a capital paraense, Belém, será palco da 30ª Conferência do Clima sobre Mudanças Climáticas, a COP 30.

E para preparar a cidade para receber o evento internacional, o Minist√©rio do Turismo liberou o aporte de R$ 100 milh√Ķes, via Fungetur, aos empreendedores tur√≠sticos da regi√£o metropolitana de Bel√©m.

A import√Ęncia servir√° para aprimorar servi√ßos e qualificar o atendimento aos visitantes como amplia√ß√£o de hot√©is, restaurantes, contrata√ß√£o e qualifica√ß√£o de m√£o de obra e prestadores de servi√ßos.

Al√©m disso, atividades envolvidas no suporte √† reuni√£o poder√£o captar at√© R$ 30 milh√Ķes para obras de implanta√ß√£o, amplia√ß√£o, moderniza√ß√£o e reforma de empreendimentos e, tamb√©m, obter capital de giro associado ao produto/servi√ßo.

Apoio ao RS

Tamb√©m atrav√©s do Fundo Geral de Turismo, o MTur disponibilizou o montante de R$ 100 milh√Ķes para empreendedores tur√≠sticos afetados pelas enchentes no Rio Grande do Sul.

A linha de crédito ofertada pelo Fungetur permitirá que os empresários atingidos tenham recursos para melhorar os seus negócios.

S√£o condi√ß√Ķes diferenciadas de pagamento para a obten√ß√£o de capital de giro, a realiza√ß√£o de obras e a aquisi√ß√£o de equipamentos.

Esta foi apenas uma das a√ß√Ķes da Pasta no aux√≠lio √† reconstru√ß√£o do estado atrav√©s do turismo.

O Dinheirama √© o melhor portal de conte√ļdo para voc√™ que precisa aprender finan√ßas, mas nunca teve facilidade com os n√ļmeros.

© 2024 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informa√ß√£o e atesta a apura√ß√£o de todo o conte√ļdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que n√£o faz qualquer tipo de recomenda√ß√£o de investimento, n√£o se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.