Home Agronegócio Governo Biden permitirá maior mistura de etanol na gasolina a partir de 2025, diz Reuters

Governo Biden permitirá maior mistura de etanol na gasolina a partir de 2025, diz Reuters

O governo dos EUA restringe as vendas de gasolina E15 nos meses de verão devido a preocupações ambientais com a poluição atmosférica

por Reuters
0 comentário

A Casa Branca aprovará um pedido de um grupo de governadores do Meio-Oeste para permitir vendas durante todo o ano de gasolina com misturas mais elevadas de etanol, mas adiará a data de início para o próximo ano, disseram duas fontes familiarizadas com as discussões.

A decisão provavelmente será agridoce para a indústria de biocombustíveis, que quer expandir as vendas de etanol à base de milho, mas pode ficar frustrada com a data de início apenas em 2025.

O atraso de um ano poderia adiar quaisquer possíveis picos localizados de preços e problemas de abastecimento que a indústria de petróleo diz que poderiam surgir da decisão até depois das eleições nos EUA, disseram as fontes.

De acordo com o plano, o governo atenderia um pedido de 2022 dos governadores de Illinois, Iowa, Minnesota, Missouri, Nebraska, Ohio, Dakota do Sul e Wisconsin para permitir vendas durante todo o ano de E15, ou gasolina com 15% de etanol, a partir do próximo ano, disseram as fontes.

Enquanto isso, a EPA poderia emitir uma isenção temporária permitindo as vendas conforme necessário.

Wisconsin e Minnesota são Estados decisivos na disputa presidencial deste ano, em novembro. A inflação e a economia são vulnerabilidades fundamentais para a campanha de reeleição do presidente norte-americano, Joe Biden.

O governo dos EUA restringe as vendas de gasolina E15 nos meses de verão devido a preocupações ambientais com a poluição atmosférica.

Espera-se que o governo emita uma decisão até o final de março, disseram as fontes.

A EPA decidiu não comentar o assunto, pois a regra ainda está em processo de revisão entre órgãos.

A EPA enviou uma regra final sobre a proposta à Casa Branca em dezembro, com data de início para 28 de abril de 2024. O novo cronograma adiaria a data efetiva para 2025, disseram as fontes.

Durante anos, a indústria do etanol tem pressionado para suspender as restrições às vendas do E15 em todo o país, argumentando que os impactos ambientais foram exagerados.

Sobre Nós

O Dinheirama é o melhor portal de conteúdo para você que precisa aprender finanças, mas nunca teve facilidade com os números.  Saiba Mais

Mail Dinheirama

Faça parte da nossa rede “O Melhor do Dinheirama”

Redes Sociais

© 2023 Dinheirama. Todos os direitos reservados.

O Dinheirama preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O portal www.dinheirama.com é de propriedade do Grupo Primo.